Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

10 Junho: Sampaio da Nóvoa alerta para aumento desigualdades sociais

Lusa

  • 333

Lisboa, 10 jun (Lusa) - O presidente da comissão organizadora do 10 de Junho, Sampaio da Nóvoa, alertou hoje para o aumento das desigualdades sociais, notando que Portugal tem um problema de "organização".

"Começa a haver demasiados 'portugais' dentro de Portugal. Começa a haver demasiadas desigualdades. E uma sociedade fragmentada é facilmente vencida pelo medo e pela radicalização", afirmou Sampaio da Nóvoa, que é também reitor da Universidade de Lisboa, na sessão solene das comemorações do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas.

Endereçando as suas primeiras palavras aos portugueses que vivem situações de dificuldade, pobreza e desemprego, "que vivem hoje pior do que viviam ontem", Sampaio da Nóvoa lembrou que "a regra de ouro de qualquer contrato social é a defesa dos mais desprotegidos".