Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Armstrong: O mito do sobrevivente de cancro foi substituído pelo de fraude desportiva

Lusa

  • 333

Redação, 18 jan (Lusa) -- Lance Armstrong deu hoje o último passo para a destruição do mito ao confirmar o envolvimento no "programa de dopagem mais sofisticado da história do desporto", revelado pela investigação da Agência Antidopagem dos Estados Unidos no verão passado.

Lance Armstrong despediu-se definitivamente do pelotão internacional em janeiro de 2011, no Tour Down Under, depois de um regresso "sem brilho", no qual ficou bem longe dos anos de ouro, marcados por um recorde -- agora apagado - de sete vitórias consecutivas no Tour, entre 1999 e 2005.

Estas conquistas inéditas, depois de ter sobrevivido a um cancro nos testículos, que lhe foi diagnosticado em 1996, elevaram o texano, agora com 41 anos, ao patamar dos heróis do desporto.