Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Açores: Bispo de Angra diz que "ninguém deveria passar necessidades" na região

Lusa

  • 333

Angra do Heroísmo, 28 set (Lusa) - O bispo de Angra, António de Sousa Braga, defendeu hoje que os efeitos da crise poderiam ser minimizados nos Açores, onde ninguém deveria "passar necessidades", tendo em conta que a região é pequena e as pessoas são mais solidárias.

"Devíamos ser exemplares, no sentido de que não deveria haver ninguém a passar necessidades, porque nós conhecemo-nos todos e temos instituições e investimento para isso, é preciso é orientar bem", afirmou o bispo açoriano, em entrevista à agência Lusa.

O bispo de Angra salientou que os efeitos da crise já se notam nos Açores, sobretudo "pela falta de trabalho", o que tem levado ao aparecimento de mais famílias em dificuldades a pedir auxílio nos centros sociais das paróquias, na Cáritas e nas Conferências Vicentinas.