Jornal de Letras

Siga-nos nas redes

Perfil

  • Teatro e Dança

    Maria Leonor Nunes

    Joana Craveiro: Teatro vivo de memórias

    Elas Também Estiveram Lá é a nova criação do Teatro do Vestido, que estreia na sexta-feira, 13, integrado na programação Abril em Lisboa, centrada nos Direitos Humanos e nesta 2ª edição dedicada às mulheres. E são as memórias delas que se resgatam, Quotidianos de Resistência e de Revolução de Mulheres, no espetáculo, um itinerário que começa na Avenida da Liberdade e acaba na antiga ‘Sala da Censura’ do Cinema S. Jorge. Uma reflexão, como adianta ao JL a encenadora e dramaturga Joana Craveiro, sobre a condição feminina nas últimas décadas. Porque “há que falar das histórias de que ninguém fala”

  • Autobiografia Jorge Listopad: Na escada rolante

    JORNAL DE LETRAS. Colaborador do JL desde os primeiros números, escritor, professor e encenador, Jorge Listopad, checo que vivia desde a década de 50 em Portugal, morreu no domingo aos 95 anos, em Lisboa. Listopad encenou cerca de 60 peças de teatro e escreveu diversas obras de prosa, poesia e ensaio, em checo, português e francês. Republicamos aqui a 'autobiografia' que escreveu para o JL, em 2002

  • Teatro e Dança

    Helena Simões

    Teatro: Doce América

    Rui Mendes é o autor e encenador da peça América, Suiteamérica, inspirada em dois clássicos dos anos sessenta: George (1961) e Torrão de Açúcar (1968).

  • Sofia Soromenho: Retrato do corpo enquanto corpo

    Segundo Parágrafo é um trabalho coreográfico da autoria de Sofia Soromenho, colaboradora regular do JL, com as bailarinas Anouschka Freitas, Daniela Serra e Rebeca Sacasi e música de Vítor Rua. A peça, estreada em 5 de novembro na SMUP, tem apresentações agendadas para o Auditório Fernando Lopes Graça, em Cascais, nos dias 13 e 14 de maio, para o Teatro Sá da Bandeira em Santarém, no dia 25 de junho, e para a Rua das Gaivotas 6, em Lisboa, nos dias 30 de setembro e 1 de outubro.

  • Tiago Guedes: Festival Dias da Dança

    Comemora-se a 29 de abril o Dia Mundial da Dança. Por várias zonas do país, festivais vão celebrar esta data. O Norte será entretido pelo festival Dias da Dança. Leia aqui a entrevista a Tiago Guedes, diretor artístico do Teatro Municipal do Porto e um dos grandes impulsionadores do Festival.

  • Maria do Céu Guerra - Portugal pela Claraboia

    Um 'fresco' Portugal nos anos 50, visto através da Claraboia, o romance de José Saramago no palco de A Barraca estreou na quinta-feira, dia 10, no Cinearte, em Lisboa. Um espetáculo encenado por Maria do Céu Guerra, que abre um ciclo que a companhia vai dedicar ao Nobel da Literatura.

  • Graça Morais e Jorge Listopad no Teatro da Garagem

    Graça: suíte teatral em três movimentos, um espetáculo dedicado a Graça Morais, estreia amanhã, quinta-feira, 15, no Teatro Taborda, em Lisboa. É a nova produção do Teatro da Garagem que inaugura um ciclo de "teatro documental", segundo o encenador e dramaturgo Carlos J. Pessoa, que dirige a companhia. Com textos da pintora e do escritor Antonio Tabucchi, a peça surge de um encontro "feliz" com a artista e ao abrigo de uma antiga colaboração com o Teatro Municipal de Bragança."A obra de Graça Morais é política, como assume, e nela há um empenhamento cívico em causas que considera importante refletir na sua arte. E isso agrada-me muito", adianta o encenador ao JL. "Também entendo que a arte é política, tenho dificuldade de a entender desvinculada de um compromisso com os outros e com a tentativa de pensar sobre a sociedade em que vivemos. E nessa medida foi fantástico trabalhar neste espetáculo, uma oportunidade de admirar a sua pintura e dar-lhe a relevância que merece".