Jornal de Letras

Siga-nos nas redes

Perfil

  • Entrevista com Nuno Severiano Teixeira: Uma nova História Militar

    Prof. catedrático e vice-reitor da Universidade Nova de Lisboa, dirigente do Instituto Português de Relações Internacionais, Nuno Severiano Teixeira (NST) foi ministro da Administração Interna e da Defesa Nacional. É autor de várias publicações nas áreas da História Militar, Relações Internacionais, Segurança e Defesa. Foi coordenador da Nova História Militar de Portugal, publicada, em cinco volumes, entre 2003 e 2004, e é o coordenador desta História Militar de Portugal, com textos seus, de Francisco Contente Domingues e João Gouveia Monteiro, e a chancela de A Esfera dos Livros (712 pp., 29,90 euros), que sera apresentado na sexta/feira, 7, as 18 horas, no Museu Militar de Lisboa, pelo ex Presidente da Republica, Jorge Sampaio, e pelo ministro dos Negocios Estrangeiros, Augusto Santos Silva. O JL ouviu NST sobre a obra

  • Jornal de Letras

    Filipe Duarte Santos

    Luísa Schmidt: O Ambiente em Portugal

    "Estamos perante uma problemática que não pode ficar retida nem na academia nem nos círculos mais conhecedores. Luísa Schmidt aborda as questões de forma intuitiva, atraente e com humor, mas sem comprometer o rigor científico"

  • Ideias

    Carolina Freitas e Maria Emília Brederode

    ENTREVISTA Tiago Brandão Rodrigues: "Por um verdadeiro Serviço Nacional de Educação"

    “Perto de cumprir o primeiro ano de mandato, e num rara entrevista de fundo, o ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, faz o ‘balanço’ do trabalho desenvolvido, analisa e comenta as questões mais quentes e prementes do setor, apresenta os seus desejos e projetos para o futuro. Tendo como objetivo fundamental realizar a que diz ser a sua “missão”: concretizar, ou garantir, um “verdadeiro” Serviço Nacional de Educação

  • Irene Flunser Pimentel Os refugiados fora do ‘paraíso’

    É uma história dramática e muito significativa sobre os refugiados judeus em Portugal, ou que pretendiam vir para Portugal, fugidos ao nazismo – e que neste caso foram proibidos de entrar e acabaram no campo de concentração. O livro intitula-se O Comboio do Luxemburgo, e o JL ouviu uma das suas autoras (a outra é Margarida de Magalhães Ramalho), bem conhecida investigadora e especialista em história contemporânea do nosso país, Prémio Pessoa em 2007

  • José Miguel Sardica:Processo revolucionário em contínuo

    Ao contrário do que sugere o mito do país de brandos costumes, de travo calmo e suave, Portugal viveu, entre as invasões francesas e a consolidação de Salazar no poder, inúmeras convulsões sociais e políticas. É essa efervescência histórica, com 125 anos de duração, que o professor da Universidade Católica estuda no volume Terminar a Revolução, que acaba de ser publicado. Assente no tempo longo, revela-se uma outra forma de olhar o passado, capaz de identificar tendências e constantes. A de Portugal foi ter revoluções que agitaram mais do que revolucionaram

  • Jornal de Letras

    Guilherme D'Oliveira Martins

    Amadeo regressa a Paris

    Amadeo de Souza Cardoso regressa ao Grand Palais, fazendo recordar a Exposição Universal de 1900. Leia aqui o que Guilherme D'Oliveira Martins escreveu ao JL sobre o assunto.