Visão Solidária

Siga-nos nas redes

Perfil

Já sabemos quem são Os Nossos Heróis

Os nossos heróis

  • 333

Saiba quem recebeu o troféu desenhado pelo arquiteto Souto Moura e viu o seu lado solidário distinguido pela VISÃO e pelo Montepio. Veja as fotos da atribuição dos prémios

A III Conferência da VISÃO Solidária realizou-se na Casa do Alentejo, em Lisboa
1 / 24

A III Conferência da VISÃO Solidária realizou-se na Casa do Alentejo, em Lisboa

Os anfitriões do evento: o presidente do Montepio, António Tomás Correia, o presidente do grupo IMPRESA, Francisco Pinto Balsemão e o diretor da revista VISÃO, Pedro Camacho
2 / 24

Os anfitriões do evento: o presidente do Montepio, António Tomás Correia, o presidente do grupo IMPRESA, Francisco Pinto Balsemão e o diretor da revista VISÃO, Pedro Camacho

O Patriarca de Lisboa, D. Manuel Clemente (ao centro), acompanhado pelo jornalista Germano Silva
3 / 24

O Patriarca de Lisboa, D. Manuel Clemente (ao centro), acompanhado pelo jornalista Germano Silva

O Padre Américo Aguiar, o jornalista Germano Silva, o Patriarca de Lisboa, D. Manuel Clemente e o Provedor da Santa Casa da Misericórdia do Porto, António Tavares (da esq. para a drt.)
4 / 24

O Padre Américo Aguiar, o jornalista Germano Silva, o Patriarca de Lisboa, D. Manuel Clemente e o Provedor da Santa Casa da Misericórdia do Porto, António Tavares (da esq. para a drt.)

O presidente do grupo IMPRESA, Francisco Pinto Balsemão, com os representante da empresa Sarah Trading, vencedores na categoria Empresa do Ano
5 / 24

O presidente do grupo IMPRESA, Francisco Pinto Balsemão, com os representante da empresa Sarah Trading, vencedores na categoria Empresa do Ano

O almoço conferência realizou-se no dia em que foi para as bancas a terceira edição da VISÃO Solidária
6 / 24

O almoço conferência realizou-se no dia em que foi para as bancas a terceira edição da VISÃO Solidária

Francisco Pinto Balsemão realçou o papel dos encontros promovidos pela VISÃO SOlidária e pelo Montepio enquanto espaços de reflexão
7 / 24

Francisco Pinto Balsemão realçou o papel dos encontros promovidos pela VISÃO SOlidária e pelo Montepio enquanto espaços de reflexão

O presidente do grupo IMPRESA agradeceu ao arquiteto Souto Moura ter desenhado o troféu dos prémio Os Nossos Heróis pro bono
8 / 24

O presidente do grupo IMPRESA agradeceu ao arquiteto Souto Moura ter desenhado o troféu dos prémio Os Nossos Heróis pro bono

O ex-primeiro-ministro destacou o papel dos encontros da VISÃO Solidária enquanto geradores de novas parcerias e projetos
9 / 24

O ex-primeiro-ministro destacou o papel dos encontros da VISÃO Solidária enquanto geradores de novas parcerias e projetos

«Uma celebração do trabalho dedicado às causas sociais», foi desta forma que Pinto Balsemão classificou o encontro da VISÃO Solidária
10 / 24

«Uma celebração do trabalho dedicado às causas sociais», foi desta forma que Pinto Balsemão classificou o encontro da VISÃO Solidária

O Cardeal de Lisboa. D. Manuel Clemente, aplaude o discurso do presidente do grupo IMPRESA, Francisco Pinto Balsemão
11 / 24

O Cardeal de Lisboa. D. Manuel Clemente, aplaude o discurso do presidente do grupo IMPRESA, Francisco Pinto Balsemão

O director da revista VISÃO, Pedro Camacho
12 / 24

O director da revista VISÃO, Pedro Camacho

O Patriarca de Lisboa, D. Manuel Clemente, começou por lançar um alerta sobre a necessidade de ser criada uma sociedade mais participativa
13 / 24

O Patriarca de Lisboa, D. Manuel Clemente, começou por lançar um alerta sobre a necessidade de ser criada uma sociedade mais participativa

D. Manuel Clemente também fez referência ao drama dos emigrantes que procuram chegar à Europa através das fronteiras junto ao Mediterrâneo
14 / 24

D. Manuel Clemente também fez referência ao drama dos emigrantes que procuram chegar à Europa através das fronteiras junto ao Mediterrâneo

A presidente da SIC Esperança, Mercedes Balsemão, foi, também, a presidente do júri dos prémios Os Nossos Heróis. O primeiro vencedor do dia foi Duarte Paiva, 32 anos, mentor do projeto Cacifos Solidários, em Lisboa
15 / 24

A presidente da SIC Esperança, Mercedes Balsemão, foi, também, a presidente do júri dos prémios Os Nossos Heróis. O primeiro vencedor do dia foi Duarte Paiva, 32 anos, mentor do projeto Cacifos Solidários, em Lisboa

Coube a Fátima Marques, gestora do projeto InVista no Ambiente da H. Sarah Trading receber o prémio de Empresa do Ano
16 / 24

Coube a Fátima Marques, gestora do projeto InVista no Ambiente da H. Sarah Trading receber o prémio de Empresa do Ano

Fátima Marques com a presidente do júri, Mercedes Balsemão
17 / 24

Fátima Marques com a presidente do júri, Mercedes Balsemão

O fundador da Associação Rede de Universidades da Terceira Idade (RUTIS), Luís Jacob Jacinto, foi o vencedor do prémio Herói do Ano
18 / 24

O fundador da Associação Rede de Universidades da Terceira Idade (RUTIS), Luís Jacob Jacinto, foi o vencedor do prémio Herói do Ano

Este ano, além de receber o prémio Os Nossos Heróis atribuído pela VISÃO e pelo Montepio, Luís Jacob Jacinto também foi convidado para criar a Rede Mundial de Universidade Seniores
19 / 24

Este ano, além de receber o prémio Os Nossos Heróis atribuído pela VISÃO e pelo Montepio, Luís Jacob Jacinto também foi convidado para criar a Rede Mundial de Universidade Seniores

A presidente da SIC Esperança com o Herói eleito
20 / 24

A presidente da SIC Esperança com o Herói eleito

O diretor da revista VISÃO, Pedro Camacho, a representante da Empresa do Ano, Fátima Marques, um dos vencedores de uma Menção Honrosa, Duarte Paiva, a presidente da SIC Esperança, Mercedes Balsemão e o Herói do Ano, Luís Jacob Jacinto. Foi, ainda, atribuída uma Menção Honrosa a Joaquim Pereira, que não pode estar presente no evento.
21 / 24

O diretor da revista VISÃO, Pedro Camacho, a representante da Empresa do Ano, Fátima Marques, um dos vencedores de uma Menção Honrosa, Duarte Paiva, a presidente da SIC Esperança, Mercedes Balsemão e o Herói do Ano, Luís Jacob Jacinto. Foi, ainda, atribuída uma Menção Honrosa a Joaquim Pereira, que não pode estar presente no evento.

O presidente do Montepio, António Tomás Correia, destacou o projeto Frota Solidária como um dos mais importantes da Fundação Montepio. Desde o seu lançamento, em 2008, o projeto já investiu cerca de 2,4 milhões de euros em transportes
22 / 24

O presidente do Montepio, António Tomás Correia, destacou o projeto Frota Solidária como um dos mais importantes da Fundação Montepio. Desde o seu lançamento, em 2008, o projeto já investiu cerca de 2,4 milhões de euros em transportes

D. Manuel Clemente, Francisco Pinto Balsemão e Maria de Belém Roseira assistiram, atentamente, ao discurso de António Tomás Correia que destacou o trabalho social desenvolvido pelos premiados
23 / 24

D. Manuel Clemente, Francisco Pinto Balsemão e Maria de Belém Roseira assistiram, atentamente, ao discurso de António Tomás Correia que destacou o trabalho social desenvolvido pelos premiados

O presidente do Montepio referiu-se à importância das parcerias e não deixou de destacar a importância da relação estabelecida com a VISÃO Solidária
24 / 24

O presidente do Montepio referiu-se à importância das parcerias e não deixou de destacar a importância da relação estabelecida com a VISÃO Solidária

No dia em que chegou às bancas a terceira edição em papel da VISÃO Solidária, foram anunciados os vencedores do Prémio Os Nossos Heróis 2013. O troféu, desenhado pelo arquiteto Souto Moura (Pritzker 2011), premeia indivíduos e empresas que sejam um exemplo na área da intervenção social.

Este ano, a distinção foi entregue a três pessoas (um herói e duas menções honrosas) e uma empresa. Leia, de seguida, uma curta apresentação dos vencedores.

HERÓI DO ANO

Luís Jacob Jacinto, 42 anos (1º Prémio)

Tem uma longa carreira solidária, que começou no início da juventude, com muitas e diversas ações de voluntariado. Em 1997, foi nomeado diretor técnico de um Centro Paroquial, onde criou a Universidade Sénior de Almeirim e onde começou a desenhar-se e ideia de fundar a Associação Rede de Universidades da Terceira Idade (RUTIS), para apoiar e promover o movimento das Universidades da Terceira Idade ainda muito incipiente na altura. Hoje, a associação tem 218 universidades, 37.000 alunos e 4.500 professores voluntários, sendo a maior do mundo. Em 2011, em parceria com a Microsoft e a Inforlândia, Luís ainda criou o primeiro computador específico para seniores - o sénior virtual. É o nosso Herói do Ano.  

Duarte Paiva, 32 anos (menção honrosa)

Aos 14 anos teve a sua primeira experiência como voluntário, como bombeiro. Desde então, pôs em práticas dezenas de ideias solidárias das quais se distingue a criação dos Cacifos Solidários, projeto apresentado à Câmara de Lisboa no final de 2012. A iniciativa permite, pela primeira vez, aos sem-abrigo da capital terem um sítio para guardar os seus pertences durante o dia, de forma a pdoerem trabalhar ou procurar emprego.

Joaquim Louro Pereira, 61 anos (menção honrosa)

É um carpinteiro que se tornou empresário de sucesso na sua terra natal e que desenvolveu um lado benemérito à medida que foi crescendo economicamente. Emprega 850 pessoas em Amiais de Cima (Santarém), no ramo do mobiliário, e paralelamente é um benfeitor à moda antiga. A escola primária, a creche, a capela, a casa mortuária, um autocarro  carros de bombeiros estão entre as ofertas que ques à sua aldeia.

EMPRESA DO ANO 

SARAH Trading (1º prémio)

Esta empresa de gestão de resíduos, sediada no interior do País, em Seia, é distinguida pelo seu projeto "inVista nO Ambiente", através do qual foram colocados 299 equipamentos de recolha de roupa em quase todos os distritos de Portugal. Os materiais recolhidos são triados por categorias e encaminhados para diversos fins, sobretudo para suprir as necessidades das IPSSs parceiras. Mas esta é apenas uma das iniciativas de responsabilidade social da Sarah Trading.

 

Além do troféu, os vencedores vão frequentar o curso ISEP Portugal IES powered by INSEAD, que se destina a capacitar os gestores de iniciativas sociais no sentido de potenciarem o impacto social das suas iniciativas.

O júri que escolheu os vencedores era composto por Mercedes Balsemão, presidente da SIC Esperança, António Tavares, Provedor da Misericórdia do Porto, Conceição Zagalo, presidente do Grace, Dulce Rocha, presidente executiva do Instituto de Apoio à Criança e Áurea Sampaio, da direção da VISÃO.

O anúncio dos vencedores foi feito III Conferência da VISÃO Solidária, que contou com a participação de Francisco Pinto Balsemão e António Tomás Correia, presidentes, respetivamente, da IMPRESA e do Montepio, e que teve como orador convidado o Patriarca de Lisboa, D. Manuel Clemente.

O presidente do grupo IMPRESA destacou a importância da sociedade civil e das empresas "num momento em que a economia está deprimida e o Estado não tem capacidade de resposta". Comprovando a capacidade da iniciativa da VISÃO e do Montepio de dar origem a novos projetos e parcerias, o ex-primeiro-ministro revelou que a empresa vencedora da edição do ano passado dos prémios Os Nossos Heróis, a Eurico Ferreira, SA, vai apoiar os Heróis de 2012, Miguel Pavão (vencedor), fundador da Mundo a Sorrir, Bárbara Silva (menção honrosa), da Coração na Rua e Bernardo Teixeira da Motta (menção honrosa), fundador do Movimento 1 Euro.

O convidado especial do evento, o Patriarca de Lisboa, D. Manuel Clemente refletiu sobre a necessidade de uma sociedade mais participativa e referiu o exemplo da VISÃO Solidária como uma iniciativa capaz de desencadear, e promover, um comportamento mais interventivo da sociedade.

Coube ao presidente do Montepio, António Tomás Correia, encerrar o evento com algumas palavras sobre a importância de criar parcerias para atacar os problemas sociais. O programa Frota Solidária e o desenvolvimento do microcrédito foram dois dos exemplos dados sobre a mais-valia que representa criar parcerias com as instituições que estão no terreno.

António Tomás Correia também se dirigiu aos vencedores da edição 2013 dos prémios Os Nossos Heróis que, considera, prestam um serviço ao país, através dos projetos sociais que desenvolvem.