Visão Solidária

Siga-nos nas redes

Perfil

Estou aqui!

Juniores e Seniores

  • 333

D.R.

Há uma nova pulseira destinada travar os casos de crianças desaparecidas/perdidas nas férias

A PSP, a Fundação PT, a RFM e a Unidade de Tecnologias de Informação de Segurança (do Ministério da Administração Interna) estão a distribuir, desde o início de julho e até 15 de setembro, as pulseiras "Estou Aqui".

Trata-se de um programa piloto que, numa primeira fase, terá um âmbito temporal restrito, mas que tentará dar mais um instrumento aos pais e às polícias em caso do desaparecimento de crianças durante a época balnear.

A pulseira é feita de materiais resistentes e anti-alérgicos que permitem a sua utilização "mesmo nas tropelias mais improváveis" e em "ambientes adversos", como se lê no site que apresenta a ideia, o estouaqui.mai.gov.pt.

As pulseiras - pessoais e intransmissíveis - podem ser levantadas nas esquadras  da PSP a partir de julho e são validadas online. Quem não conseguir obter uma pulseira (por limitação de stock, por exemplo) deve contactar as autoridades através do e-mail contacto@psp.pt ou do telefone 218111087.