Visão Solidária

Siga-nos nas redes

Perfil

Aumentam as autarquias que garantem as refeições de alunos do 1.º ciclo

Juniores e Seniores

  • 333

Imagem de arquivo

José Caria

Durante as férias de verão, várias câmaras municipais vão assegurar as refeições das crianças sinalizadas durante o ano letivo

Várias autarquias do país estão a fazer esforços financeiros adicionais para conseguirem garantir a alimentação de alunos carenciados da região.

Em Coimbra, cerca de uma centena de alunos vão ter direito a almoço grátis, que será servido nas instalações de várias IPSS da cidade. No próximo ano, a autarquia espera ter condições para garantir, também, o pequeno-almoço e o lanche aos alunos sinalizados pelas escolas e alargar a distribuição de fruta aos jardins-de-infância (atualmente, só as escolas do 1.º ciclo beneficiam da medida). O alargamento do apoio alimentar da autarquia deverá custar 1 milhão de euros.

Em Elvas, serão servidos almoços e jantares de segunda a sexta-feira a 300 alunos do ensino básico. Mondim de Basto irá apoiar 150 alunos até ao final de julho. Matosinhos e Olhão também estendem o apoio até ao final de julho. Enquanto São João da Madeira mantém o programa ativo até setembro.

Estes são, apenas, alguns exemplos das autarquias que tentam minorar as carências das crianças sinalizadas pelas escolas dos concelhos.