Visão Solidária

Siga-nos nas redes

Perfil

Fundo de investimento tem 250 mil euros para desempregados empreendedores

Economia Social

  • 333

Imagem de arquivo

Luís Barra

O Banco de Inovação Social procura ideias empreendedoras na área social. As melhores, serão financiadas pelo projeto

Até ao final de maio, estão abertas as candidaturas para o primeiro fundo de investimento social do país.

Ao todo, será feito um investimento de 250 mil euros. Cento e cinquenta mil doados pela Santa Casa e 100 mil atribuídos pelo banco Montepio. O programa deverá apoiar entre 30 a 50 projetos inovadores.

Há duas opções de candidatura:

A criação da própria empresa implica que o candidato esteja desempregado, em situação de trabalho precário ou à procura do primeiro emprego.

No caso que pretender abrir um negócio social, o projeto tem de contribuir para uma das seguintes questões: criação de emprego, promoção do envelhecimento ativo, combate do desperdício ou prevenção do abandono escolar.

O programa conta com o apoio de mais 25 parceiros que vão contribuir das mais variadas formas, seja com apoio logístico, jurídico ou marketing.

Alguns dos associados são o Ministério da Solidariedade e Segurança Social, as câmaras de Lisboa e Cascais ou o Instituto do Emprego e Formação Profissional.

As candidaturas podem ser feitas em http://bancodeinovacaosocial.pt. Os vencedores serão revelados em junho.