Visão Solidária

Siga-nos nas redes

Perfil

Milionário ameaça enterrar carro de luxo como alerta para a doação de órgãos

Atualidade

  • 333

Chiquinho Scarpa anunciou ao mundo que planeava enterrar o seu Bentley, mas tudo não passou de marketing

Reprodução Facebook

O milionário brasileiro Chiquinho Scarpa convidou os jornalistas para assistirem ao funeral do seu Bentley, só depois revelou que se tratava de uma operação de marketing "solidário"

A onda de indignação ainda se faz sentir nas redes sociais brasileiras. Apesar das reações negativas, a verdade é que o excêntrico Chiquinho Scarpa conseguiu a atenção que procurava.

A operação começou a ser montada pelo milionário com o anúncio de que, inspirado nos faraós, iria enterrar o seu bem mais precioso, um Bentley avaliado em 500 mil euros.

Alguns jornalistas brasileiros foram convidados a assistir ao grande momento na mansão do magnata, em São Paulo.  Quando chegaram, já havia uma cova à medida do automóvel e Chiquinho Scarpa ainda chegou a pegar na pá, mas acabaria por revelar que tudo não passava de uma operação de marketing para chamar à atenção sobre o tema da doação de órgãos.

O empresário quis mostrar que todos os dias são enterradas coisas muito mais preciosas do que o seu Bentley, como corações, fígados ou rins, que poderiam salvar vidas.

A ação contou com a colaboração da Associação Brasileira de Transplante de Órgãos que está a celebrar a Semana Nacional de Doação de Órgãos, procurando sensibilizar os brasileiros para a questão.

Atualmente, o rácio de doadores é de 13, por cada milhão de habitantes, mas o objetivo do governo é chegar aos 15 doadores por cada milhão, até 2015.