Visão Solidária

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercado Social reúne bens e serviços solidários

Atualidade

  • 333

Imagem de arquivo

Marcos Borga

Setúbal inaugurou um espaço de recolha de bens não perecíveis para apoiar as famílias carenciadas da região. Em breve, haverá uma lavandaria e uma oficina  

O Mercado Social de Setúbal está instalado na Bela Vista e servirá de plataforma logística para a captação e armazenamento de bens não perecíveis, como vestuário, móveis e eletrodomésticos.

As doações particulares ou empresariais serão, depois, distribuídas pelas lojas sociais existentes, abertas às famílias mais carenciadas da região.

"É um espaço de utilidade imprescindível e mais uma das respostas que a Autarquia, com os seus parceiros, dá no apoio aos mais carenciados e às instituições particulares de solidariedade social", sublinhou a presidente da Câmara Municipal de Setúbal, Maria das Dores Meira, na cerimónia de inauguração do equipamento.

No primeiro piso, existem cinco salas polivalentes, que podem funcionar como gabinetes técnicos, espaços de formação, atendimento ou desenvolvimento de trabalhos comunitários.



No piso térreo, foi criada uma zona ampla para armazenamento de materiais, uma zona para cargas e descargas de bens e um outro espaço que funciona como copa e refeitório.



Um dos espaços do Mercado foi adaptado para acolher, em breve, uma lavandaria comunitária e uma oficina, vocacionada para a realização de pequenas reparações.

O Mercado Social vai funcionar através de uma gestão partilhada entre a Câmara Municipal de Setúbal e várias instituições particulares de solidariedade social. O espaço está aberto para doações, mas os bens só serão distribuídos à comunidade através das lojas sociais.

A autarquia apela às empresas para doarem eletrodomésticos, os bens mais procurados no momento.