Visão Solidária

Siga-nos nas redes

Perfil

Elevado número de alunos em debilidade económica grave, alerta Conselho de Educação

Atualidade

  • 333

Imagem de arquivo

MIguel Puga

O Conselho Nacional de Educação alertou para a elevada percentagem de alunos do ensino superior que vivem com dificuldades económicas

O Conselho Nacional de Educação (CNE) alertou para uma "elevada percentagem de estudantes numa situação de debilidade económica grave", recomendando a atribuição de recursos à ação social para que não falhe o apoio aos mais carenciados.

Numa recomendação publicada em Diário da República, o CNE defende a necessidade de garantir o bom funcionamento dos serviços de acção social e de acabar com as diferenças nas respostas sociais registadas nas diferentes instituições do ensino superior.

"Irregularidades técnicas, problemas de comunicação entre serviços e estudantes, indefinição nos processos de candidatura, atrasos na análise dos requerimentos e nos pagamentos das bolsas de estudo e abrangência insuficiente são entropias introduzidas sucessivamente no sistema que têm inibido a ação social de cumprir integralmente o seu papel", alerta o CNE numa recomendações sobre "A condição estudantil no Ensino Superior".