Visão Solidária

Siga-nos nas redes

Perfil

Conservas gourmet para instituições sociais

Agenda

  • 333

Filipe Paiva

O ex-vocalista dos Heróis do Mar, Rui Pregal da Cunha, realiou um almoço para angariar conservas. Os chefs Henrique Sá Pessoa, Vítor Sobral e Ljubomir Stanisc ajudaram-no na tarefa

O restaurante Can The Can foi o palco de um almoço destinado a angariar conservas para diversas instituições de solidariedade social.

O chef residente do restaurante, Akis Konstantinidis, convidou alguns dos seus pares para o ajudarem na preparação de canapés feitos com a matéria-prima das mais emblemáticas conservas nacionais: a sardinha. Henrique Mouro, Henrique Sá Pessoa, Vítor Sobral e Ljubomir Stanisic aceitaram o desafio.

O presidente da Câmara Municipal de Lisboa, António Costa, o diretor da Associação de Turismo de Lisboa, Vítor Costa, e o secretário de Estado do Mar, Manuel Pinto de Abreu foram alguns dos convidados do evento, que também contou com a presença de pessoas ligadas a instituições sociais como Isabel Jonet (Banco Alimentar), Maria José Ritta (Fundação do Gil) ou José Moutinho (membro de uma família de acolhimento da Casa dos Rapazes do Barreiro).

A iniciativa vem no seguimento de uma parceria entre o estabelecimento do músico e a indústria conserveira nacional. Até agora, já foram oferecidas cerca de 100 mil latas de conserva ao Banco Alimentar Contra a Fome, Fundação do Gil e Casa dos Rapazes do Barreiro.

Algumas das empresas que vão contribuir são a Cofisa, Conservas Belamar, Fábrica de Conservas A Poveira ou Ramirez & C.ª Filhos, Lda.