Visão Solidária

Siga-nos nas redes

Perfil

Correr e pedalar contra a fome

VISÃO Solidária

Adelino Oliveira

A corrida Grande Prémio de Natal EDP que se realizou no passado domingo juntou 5 mil pessoas em Lisboa, mas houve mais metas cumpridas para além dos 10 quilómetros da prova

Alberto Conceição

O Maratona Clube, organizador da prova, e o principal patrocinador, a EDP, ofereceram €1 por cada inscrição à Re-Food, uma associação de solidariedade que distribui alimentos a pessoas carenciadas, e juntos correram contra a fome... ou pedalaram. Isto porque o valor monetário angariado, cerca de 5 mil euros, será convertido na compra de bicicletas elétricas para o auxílio no trabalho dos voluntários da associação.

A iniciativa não ficou, no entanto, por aqui. Na Praça dos Restauradores, junto à meta que assinalava o fim dos 10 quilómetros da prova, a EDP convidou ainda uma orquestra muito particular para animar o final da corrida e dar um concerto único: a Vegetable Orchestra, uma orquestra austríaca que toca com instrumentos feitos de legumes frescos. O interior dos legumes, que é retirado ao transformar os legumes em instrumentos musicais, foi ainda usado para confecionar uma sopa entregue à Re-Food. Ainda neste dia, cerca de duzentos voluntários da EDP ajudaram na confeção, embalamento e distribuição de 500 refeições.

Foi esta a forma encontrada pela organização de aliar a festa do desporto ao espírito solidário e ao apoio social, numa ação que se insere no projeto Parte de Nós Natal 2015 que mobiliza mais de mil colaboradores do Grupo EDP em inúmeras ações de voluntariado por todo o país.

Quanto aos atletas, Sara Moreira, do Sporting, venceu no setor feminino ao cortar a meta no tempo de 32m24, e Hélio Gomes, especialista de 1.500 metros, ganhou entre os homens.

O Grande Prémio de Natal é uma das mais antigas provas realizadas em Portugal, e que se realiza já desde 1946, data da primeira edição. Contou já com a participação de inúmeras personalidades do desporto, uma das quais o antigo atleta Carlos Lopes, campeão olímpico na maratona em 1984, que é recordista de vitórias na prova, com seis triunfos.