Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

LeiriaShopping vendido a fundo alemão por 128 milhões

Imobiliário

Sonae Sierra vende ativo mas mantém-se como gestor do espaço que agrega 117 lojas. Empresa do grupo Sonae prossegue estratégia de "reciclagem de capital". Ou seja, vender cá dentro e comprar lá fora

Marisa Antunes

O fundo Sierra Portugal (participado e gerido pela Sonae Sierra) vendeu por 128 milhões de euros o LeiriaShopping ao grupo DWS, um fundo de gestão de ativos com sede na Alemanha. A transacção prevê a continuidade da Sonae Sierra na gestão do centro comercial.

O LeiriaShopping tem 117 lojas, distribuídas por cerca de 45 mil metros quadrados de área bruta locável e abriu portas em 2010. No ano passado, recebeu cerca de sete milhões de visitantes.

Segundo comunicado divulgado pela empresa, esta operação insere-se "na estratégia de reciclagem de capital que a Sonae Sierra tem vindo a implementar com sucesso, com o objetivo de investir em ativos com oportunidades de criação de valor, bem como em projetos de desenvolvimento".

Reforço internacional

A empresa do grupo Sonae tem vindo a consolidar o seu estatuto internacional, vendendo ativos em Portugal e investindo lá fora.

Há pouco mais de um mês, recorde-se, o grupo inaugurou o seu primeiro centro comercial na Colômbia, o Jardín Plaza Cúcuta, na cidade de Cúcuta, um investimento de 52 milhões de euros.

A empresa alinhou com dois parceiros locais - a colombiana Central Control e a Patrimonio Estrategias Inmobiliarias para este novo shopping com 180 lojas.

Proprietária de 44 centros comerciais (que valem 7 mil milhões de euros) e gestora de mais 79 espaços, espalhados um pouco por todo o mundo, a Sonae Sierra tem vindo a marcar a sua posição como um dos principais players no mercado mundial de centros comerciais.

Atualmente, a Sonae Sierra tem 15 projetos em desenvolvimento, incluindo 9 para clientes.