Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Turismo é o maior exportador de serviços do país

Imobiliário

Relatório da Worx destaca hotelaria e mercado de arrendamento como duas das principais tendências para 2019.

O turismo e o mercado de arrendamento vão estar na mira dos investidores imobiliários no decorrer deste ano. Na mais recente edição do WMARKET Review, da consultora Worx, que contou com o contributo de vários intervenientes, estes dois mercados surgem destacados. “Nunca o turismo foi tão dinâmico e teve tanto impacto na economia nacional como hoje. Representa 13,7% do PIB nacional, é o maior exportador de serviços do país (50,1%) e estamos a crescer em todo o território”, sublinhou Luís Araújo, Presidente do Turismo de Portugal, citado no estudo da Worx.

Recorde-se que em 2018, Portugal faturou 16.6 mil milhões com o turismo, uma média de 45 milhões por dia, ou, afunilando ainda mais, 1,89 milhões € por hora gastos em hotelaria, restauração, comércio, serviços, cultura, entre outros.

Luís Araújo, citado no relatório, acrescentou que “para 2019, o objetivo é continuar a crescer em valor e criar as condições necessárias para que os turistas queiram permanecer mais tempo, conheçam mais o território e tenham experiências que os façam regressar, não só para visitar como para viver, investir e criar empresas”.

Em 2019, “espera-se ainda que a introdução das Sociedades de Investimento e Gestão Imobiliária (SIGI) tenham impacto no capital que entra no país, no equilíbrio do mercado de arrendamento, que protejam os investidores durante as oscilações de mercado e que dinamizem o mercado de capitais”, refere-se no documento. As SIGI, recorde-se, asseguram a aquisição de direitos reais sobre imóveis para arrendamento, incidindo sobre projetos de construção e recuperação de imóveis para habitação, comércio ou serviços.

“O modo como a configuração das SIGI virá favorecer a competitividade do nosso mercado e atrair investimento para o imobiliário em Portugal, será uma das mais interessantes tendências a observar neste ano, num momento em que Lisboa se destaca nos mais reputados estudos de mercado entre as cidades de topo para investir em 2019”, apontou Jorge Salvador Gonçalves, sócio da Garrigues, referenciado no estudo.

ASSINE AQUI A VISÃO E RECEBA UM SACO DE OFERTA