O homem, natural de Figueira de Cavaleiros, no concelho de Ferreira do Alentejo, foi encontrado morto cerca das 09h00 de segunda-feira por um funcionário do hospital e junto ao parque de estacionamento do Hospital de Dia, disse fonte do Hospital de Beja à Agência Lusa.

Segundo a fonte, o homem, que se queixava de tonturas e perdas de consciência, tinha sido assistido no domingo, por duas vezes, nas urgências do hospital, de onde teve alta e saiu, pela última vez, às 21h40, "pelo próprio pé, perfeitamente consciente e lúcido".