Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Como ajudar a Helpo

Pode ter um "afilhado" moçambicano, português ou são tomense. Pode consignar 0,5% do seu IRS. Ou pode ainda comprar objetos feitos por artesãos locais. A Helpo assiste crianças desfavorecidas, dando-lhes apoio alimentar, educação ou competências. Saiba como apoiar a Organização Não Governalmental para o Desenvolvimento (ONGD) que está por trás do projeto Futuros Presidentes

No início de fevereiro, a Helpo inaugurou mais seis salas de aula na comunidade de Natôa, na província de Nampula, em Moçambique

No início de fevereiro, a Helpo inaugurou mais seis salas de aula na comunidade de Natôa, na província de Nampula, em Moçambique

Helpo

A Helpo é uma Organização Não Governamental para o Desenvolvimento portuguesa. Desde 2007 que a sua missão, em Portugal, Moçambique, São Tomé e Príncipe e Guiné-Bissau, é a educação, a nutrição e os serviços (formação de animadores e professores, bolsas de estudo, refeições escolares, promoção ou manutenção de hortas escolares) para os mais desfavorecidos. O financiamento é conseguido através do Programa de Apadrinhamento de Crianças à Distância, donativos livres, projetos financiados por agências internacionais e empresas. Veja como pode ajudar:

Apadrinhamento de crianças

Os donativos são enviados para as equipas no terreno que são as responsáveis por diagnosticar os problemas de cada comunidade. As contribuições têm impacto direto nas crianças apadrinhadas, e madrinhas e padrinhos recebem notícias dos seus afilhados.

Pode fazê-lo através de apoios regulares, desde os €5 aos €25 por mês, dos €15 aos €75 por trimestre e dos €60 aos €300 por ano. Receberá notícias sobre as ações realizadas com o seu dinheiro, seja na área alimentar ou na manutenção de escolas.

Os apoios pontuais têm três categorias:

FUTURO MAIOR: Dão para a matrícula, o uniforme, os sapatos e o material escolar, além de assistência especializada. Na volta do correio, recebe uma revista trimestral, tem facebook e instagram, duas cartas por ano (uma da criança e outra do assistente da Helpo) e uma foto da criança. €35/ano

LEVE-LEVE: São para a matrícula e pagamento de custos administrativos (como manuais e testes). Terá o mesmo tipo de resposta que a categoria anterior. €55/ano

MARIA MENINA: Pretende evitar a gravidez precoce. Assim, o dinheiro é destinado à formação sobre higiene e saúde sexual reprodutiva, à compra de roupa interior feminina e de pensos higiénicos reutilizáveis. Além da revista trimestral e da presenças nas redes sociais, vai receber feedback anual. €42/ano

Neste momento, segundo dados da Helpo, há 3 500 crianças apadrinhadas em Portugal, Moçambique e São Tomé e Príncipe (este programa específico não está na Guiné Bissau).

Através do IRS

Pode consignar 0,5% do seu IRS para apoiar a Helpo. Vai encontrar o local certo no quadro 11 do Modelo 3 do IRS.

Com o dinheiro angariado ao longo dos anos, a Oorganização Não Governamental para o Desenvolvimento (ONGD) já construiu uma creche no Namialo (2014), um edifício escolar em Nawitipele (2015), um edifício escolar em Impire (2016) e um edifício escolar em Natôa (2017).

Voar ajuda

As milhas acumuladas no cartão Victoria da Tap podem ser doadas à Helpo através do número TP409549092.

Festejar doando

E se no seu aniversário prescindir de presentes? Isso mesmo. Pode combinar com os seus familiares e amigos que, em vez da habitual prenda, as ofertas sejam canalizadas para a Helpo através de uma recolha de bens. Pergunte o que a ONGD mais precisa para as crianças (como, por exemplo, leite em pó ou material escolar) e depois entregue tudo lá.

Produtos 'made in'

Também pode comprar produtos da Helpo, como anéis, malas ou uma camisola com capuz ou artigos feitos por artesãos locais. Contacte o T. 21 153 7687 ou utilize e-mail (info@helpo.pt) para saber o que está disponível.

Transferências

Através dos seguintes números de identificação bancária pode transferir a quantia que desejar:

NIB 0010 0000 3483 3480 0032 8

IBAN PT50 0010 0000 3483 3480 0032 8

SWIFT BBPIPTPL

Nota: As contribuições livres são dedutíveis do IRS. Basta enviar o comprovativo da transferência e os seus dados (nome, morada e NIF), para que seja emitida a declaração donativo.

Está lá?

O número de telefone solidário é o 760 501 570 (custo de 0,60€ + IVA).