Leiria, 28 abr (Lusa) - O Conselho de Administração da SAD da União de Leiria anunciou hoje em comunicado que não foi informada formalmente da rescisão coletiva de 16 futebolistas.

"Face às notícias divulgadas nos órgãos de comunicação social, dando conta de uma alegada rescisão coletiva do contrato de trabalho desportivo de 16 jogadores e à ausência injustificada à sessão de treino deste sábado, a SAD informa que não chegou documento algum desse teor às instalações administrativas" da sociedade desportiva, começa por referir o documento.

Não reconhecendo "eficácia jurídica", a SAD salienta que se mantêm válidos e eficazes os contratos de trabalho desportivo desses jogadores". Por isso, a "sua eventual ausência ao jogo de domingo entre a União de Leiria e o Feirense, constituirá falta injustificada".