Exame

Siga-nos nas redes

Perfil

E as empresas mais felizes de 2019 são…

Exame

Ao centro, Francesco Bandini, diretor-geral da Hilti Portugal e Pedro Neves Silva, diretor financeiro e de Recursos Humanos da empresa, que foi considerada a Mais Feliz de 2019

Diana Tinoco

Já são conhecidas as empresas mais felizes de Portugal, apuradas no âmbito do Happiness Works. Conheça aqui a lista das 20.

Há uma nova Empresa Mais Feliz no País. A distinguida na edição de 2019 foi a Hilti Portugal, a companhia sediada em Leça do Balio e que desenvolve software, ferramentas, serviços e tecnologias para os profissionais da construção civil. O anúncio foi feito esta segunda-feira na sede da SRS Advogados em Lisboa, onde também foram dados a conhecer os resultados do estudo Happiness Works de 2019, a que a EXAME se associou uma vez mais.

“Para nós a cultura da pessoa tem uma história muito longa. As pessoas são o pilar da empresa, temos uma cultura orientada para a performance,” afirmou Francesco Bandini, diretor-geral da Hilti Portugal, durante a entrega do galardão. O responsável frisou o facto de a empresa ter eleito como maior prioridade o bem-estar de cada um dos colaboradores, um objetivo vertido na estratégia corporativa interna Champion 2020.

A organização encoraja momentos de envolvimento dos funcionários na vida da empresa e proporciona mais tempo para que estejam com a família, para dedicar ao lazer ou a iniciativas solidárias. E estimula ainda a partilha de ideias e a recolha de opiniões para correção de fragilidades detetadas. “A melhoria resulta do feedback que as pessoas dão no inquérito anual,” referiu Pedro Neves Silva, diretor financeiro e de Recursos Humanos da Hilti, destacando o trabalho que tem estado a ser feito em flexibilização em termos de horários e locais de trabalho.

Pelo segundo ano consecutivo o lugar dois na tabela coube à Samsys, empresa do setor das TI que procura fazer com que os colaboradores se sintam em casa mesmo quando estão no trabalho. “Somos uma equipa que adora planear. E planear em equipa é extremamente positivo, contribui de forma expressiva para o sentimento de pertença, para a felicidade da equipa,” disse Samuel Soares, diretor-geral da Samsys.

A flexibilidade de horário, a compensação por bons resultados ou o gozo de dias por ocasiões especiais são condições oferecidas pela empresa onde as chefias cumprimentam pessoalmente todos os colaboradores. A organização implementou um convívio semanal interno e apostou em formações sobre hard e soft skills. “Queremos proporcionar um espaço de trabalho onde as pessoas possam ser autênticas, valorizamos a unicidade de cada um e aceitamo-los tal como são, procurando contribuir para que sejam melhores seres humanos e profissionais,” acrescenta o gestor.

A terceira mais feliz de Portugal é a McDonald’s, que este ano subiu duas posições impulsionada por iniciativas para o bem-estar dos colaboradores que designa internamente de “salário emocional”. Flexibilidade e mobilidade, acompanhamento na integração e respeito pela autenticidade são outras das prioridades da empresa de origem norte-americana que oferece condições como a licença sabática atribuída de acordo com a antiguidade (associada a férias pagas adicionais) e as sextas-feiras de verão com tardes livres (julho e agosto).

“Valorizamos muito o celebrar. Esta é uma ação de celebração do melhor que há nas empresas. Pessoas felizes fazem também empresas mais rentáveis,” afirmou Maria João Mendes, responsável de recursos humanos na McDonald’s Portugal.

Além das três primeiras, foram ainda atribuídas as distinções aos lugares seguintes, num total de 20 empresas mais felizes. Foram elas:

4. PHC Software

5. Prime IT – Consulting S.A.

6. Solfut, Lda

7. Altronix

8. Grupo Your

9. Mendes Gonçalves

10. Selmatron

11. AMT Consulting

12. Portocargo Transitários S.A.

13. Sodexo Benefícios e Incentivos – Portugal

14. Exago

15. Energia Simples

16. Cobelba – Sociedade de Construção Civil, S.A.

17. Smart Consulting

18. Gstep

19. Bet Entertainment

20. Htecnic