Exame

Siga-nos nas redes

Perfil

Startups indianas com via aberta para Portugal

Exame

Já estão abertas as inscrições para as startups indianas se candidatarem a instalar-se em Portugal, ao abrigo de um protocolo entre os dois países.

Tiago Freire

Tiago Freire

DIRETOR DA EXAME

O protocolo foi firmado há pouco mais de um ano, aquando da visita oficial do primeiro-ministro indiano Narendra Modi a Portugal, e agora há passos concretos para a sua concretização. Abriram esta terça-feira as candidaturas para as startups indianas que se queiram desenvolver e instalar em Portugal.

Nesta primeira fase do programa "India Portugal Startup Hub", o objetivo é atrair startups indianas que pretendam expandir os seus negócios na Europa, através do trabalho com incubadoras-parceiras em Portugal. O foco são projetos nas áreas de Fintech, Urbantech (soluções de mobilidade, construção e sustentabilidade das metrópoles), Medtech (medicina) e Nanotech.

As inscrições terminam a 25 de Setembro, com os resultados a serem conhecidos a 5 de Outubro.

As empresas selecionadas contarão com espaço de trabalho gratuito por três meses, aconselhamento por especialistas, recurso ao sistema de aprovação de visto mais rápido e consultoria regulatória, entre outras vantagens.

A 5 de Novembro, em plena Web Summit, haverá uma cerimónia de destaque à iniciativa.

Por cá, há três parceiros que acolherão as empresas: a Startup Braga, a Startup Lisboa e a ScaleUp Porto.