Nova Iorque, 18 ago (Lusa) - Os reguladores financeiros norte-americanos estão a investigar o Deutsche Bank e outros bancos internacionais face à suspeita de terem canalizado fundos para o Irão, Sudão e outros países alvo de sanções, noticia hoje o The New York Times.

A investigação ainda se encontra numa fase preliminar, indicaram fontes contactadas pelo jornal norte-americano, acrescentando que não se acredita que o Deutsche Bank tenha transferido verbas em nome de clientes iranianos através das suas operações nos Estados Unidos depois de 2008.

Em 2007, o banco decidiu que "não se iria comprometer num novo negócio com parceiros em países como o Irão, Síria, Sudão e a Coreia do Norte e que iria desvincular-se dos atuais negócios na medida do legalmente possível", disse um porta-voz ao jornal.