Quem vê o Design & Wine Hotel, da praça central de Caminha, não imagina o que vai encontrar. Manteve-se a traça da fachada do solar do séc. XVIII e o enquadramento com a envolvente, mas no interior, as surpresas sucedem-se.

A começar pelos 23 quartos temáticos, cada um com uma decoração inspirada numa arte, em sentido lato. Falamos, por exemplo, de dança, street art, design, música clássica, arquitetura, fotografia, ou videojogos (curiosamente, não só este, mas todos os quartos, têm uma Playstation).

Na parte posterior do hotel, inaugurado na semana passada, está a maior inovação, a cargo do arquiteto Pedro Guimarães. Um corpo high tech, onde ficam cinco quartos, com capacidade de rotação sobre si mesmo, de 35º graus, o que permitirá aos hóspedes usufruir de uma panorâmica diferente, desde a nascente à foz do rio Minho. A mobilidade não será permanente, ficando reservada a apenas umas horas do dia.

O Design & Wine, como o próprio nome diz, procurará valorizar os nossos vinhos, de norte a sul, oferecendo uma enoteca com entrada e dinâmica independente do hotel. O restaurante, a cargo da chefe Margarida Rego, onde se servirá cozinha tradicional com uma nota mais requintada, também potenciará a ligação entre a gastronomia e os vinhos, promovendo regularmente jantares vínicos e degustações.

Na galeria White Box será igualmente possível realizar conferências, exposições e apresentações.

CH DESIGN & WINE HOTEL
Pç. Conselheiro Silva Torres, 8, Caminha
T. 258 719 040.
Preços a partir de €100/noite
www.designwinehotel.com