Se a possibilidade de acordar ao som dos pássaros já lhe parece o delírio, imagine acordar em plena Mata Nacional do Buçaco, pulmão verde da zona centro do País, classificada como imóvel de interesse público, monumento nacional desde 1943.

O "deserto" da Ordem dos Carmelitas Descalços, como estes lhe chamavam, é hoje uma das maiores áreas verdes do País, dotada de vegetação e património únicos entre os seus 105 hectares. Ora, a Fundação Mata do Buçaco quer recuperar as antigas casas dos guardas-florestais (12 no total) para fins turísticos.

A primeira já foi restaurada e abriu ao público há menos de um mês. Chama-se Casa da Floresta Relíquia e está inserida precisamente junto ao último reduto da floresta primitiva da região, próxima ao Miradouro das Portas de Coimbra.

A Casa - que pode ser alugada em regime de hostel (por cama/quarto) ou na sua totalidade - é constituída por três quartos com seis camas individuais, casa de banho, cozinha equipada, sala de jantar e uma magnífica varanda com vista para o tal paraíso de biodiversidade. Está equipada e mobilada e só necessita de levar roupa de cama e de banho.

Ah! E um último aviso: não tem acesso à internet. Mas, afinal, estar no paraíso não é querer ficar longe de tudo?

PRÓXIMAS ATIVIDADES NA MATA


Buçaco ao Luar: 31 Ago, Sex 21h30-00h30. €4

Biologia no Verão: 31 Ago, Sex (Todo o dia). Grátis

Maravilhosos Morcegos: 1 Set, Sáb 14h-17h. €5

Oficina Na Forja: 2 Set, Dom 11h-17h. €25



CASA DA FLORESTA RELÍQUIA
Mata Nacional do Buçaco, Mealhada, Luso
T. 231 937 000
www.fmb.pt
€12/cama ou €60/totalidade casa