Ilias Kasidiaris, deputado grego de orientação neonazi agrediu esta quinta-feira dois parlamentares de esquerda durante um debate em direto, num canal de televisão, que tinha como tema as eleições de 17 de junho.

Ilias Kasidiaris começou por lançar um copo de água contra uma deputada da esquerda, sentada do outro lado da mesa e depois perdeu ainda mais o controlo, perante o olhar dos outros intervenientes no debate.

A deputada comunista, que estava sentada ao lado do deputado de extrema direita, bateu-lhe com um jornal e acabou por ser agredida, várias vezes até que o programa, da televisão privada foi interrompido.

O deputado do partido Aurora Dourada, chegou a ser detido numa sala, mas partiu a porta e fugiu do local. O ministério público grego já pediu sua prisão, por flagrante delito, pela "tentativa de infligir uma perigosa lesão corporal", segundo uma fonte judicial.

O governo interino grego "condenou o ataque de forma categórica".

Os vários partidos apressaram-se a condenar este incidente e até a extrema- direita veio dizer que os atos ficam para quem os comete e espera não ser penalizado por este incidente.