O novo telemóvel estará à venda a partir de dia 24 de Junho, nos Estados Unidos, França, Alemanha, Reino Unido e Japão. A multinacional da "maçã" ainda não divulgou a data do início de comercialização em Portugal, mas prevê-se que seja entre Agosto e Setembro. 

O preço do equipamento com 16 GB é de 199 dólares (166 euros), enquanto o de 32 GB custa 299 dólares (250 euros), com contrato de fidelização.

O design do iPhone não traz grandes alterações em relação ao modelo actual. O lançamento da nova geração deste telefone móvel foi agitado. Um dos engenheiros da Apple ter-se-á esquecido do protótipo do novo telefone num bar em Redwood City, nos Estados Unidos. A pessoa que o encontrou entrou em contacto com o site de tecnologia Gizmodo que aceitou pagar cerca de 3,7 mil euros para ficar com o protótipo. As imagens acabaram na Net. 

A nova geração do telemóvel do "best-seller" da Apple foi aperfeiçoado em diferentes áreas. Senão repare! O ecrã melhorou a resolução, o processador Apple A4 é semelhante ao do iPad, inclui Wi-Fi, GPS, Bluetooth, a câmara que permite fotografar e fazer vídeos com imagem de alta definição, possui agora 5 MP e flash incorporado. Para acompanhar as capacidades do novo iPhone, a Apple criou a aplicação iMovie que permite editar vídeos directamente no telemóvel e vai custar cinco dólares. 

O novo modelo tem uma autonomia de 40 horas superior ao seu antecessor. Na apresentação em São Francisco, nos Estados Unidos, o responsável máximo da Apple, Steve Jobs, afirmou que o iPhone 4 pode ficar ligado 300 horas em modo "Stand-by".