Pequim, 29 Ago (Lusa) - Uma pessoa morreu e várias ficaram feridas na província chinesa de Yunnan, perto da fronteira com a Birmânia, devido à explosão de uma bomba lançada do país vizinho, noticiou hoje o jornal China Daily.

Nesta zona situam-se cerca de 30 mil refugiados, que fogem de combates entre o exército birmanês e grupos rebeldes.

Esta é a primeira informação oficial que circula sobre vítimas do conflito birmanês em território chinês.