Pequim, 11 mai (Lusa) - Um suspeito traficante de droga e acusado de orquestrar o homicídio de 13 marinheiros chineses no Rio Mekong no ano passado foi extraditado do Laos, informou a agência Xinhua.

Segundo a agência noticiosa, Naw Kham viajou de avião acompanhado pelas autoridades chinesas na manhã de quinta-feira. A televisão estatal emitiu em direto a sua chegada.

Nove soldados tailandeses envolvidos no caso não serão extraditados.