Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Halkidiki - Grécia

Volta ao Mundo de Moto

  • 333

Francisco Sande e Castro pretende conseguir autorização para visitar o Monte Athos, o estado independente pertencente à Igreja Ortodoxa 

Hoje acordei com um dia lindo de sol e decidi percorrer toda a costa da península de Halkidiki, onde tinha chegado já de noite. Foi um ótimo passeio de cerca de 150 Km ao longo dessa costa onde existem pequenos hotéis, de duas a cinco estrelas, um empreendimento fantástico com campo de Golf, Marina com grandes iates, dois hotéis, etc. mas também alguns Parques de Campismo, ou seja, praia e mar para todas as bolsas.

Mas toda a zona tem uma muito baixa densidade de construção e muita vegetação. Só que agora, que acabou a época de verão, está tudo deserto e quando digo deserto é que estão mesmo os hotéis fechados, as casas desabitadas e os parques de campismo de corrente à porta. É como se fechasse a península e ficassem apenas os habitantes das poucas aldeias ali existentes.

As estradas deixam de ser limpas e ía ficando atolado numa que passava junto ao mar e com as ondas tinha sido invadida por água e terra.

Parei numa das pequenas vilas para almoçar, junto ao mar e à tarde fui até Ouranoupolis onde fiquei. Aqui vou tentar amanhã conseguir autorização para visitar o Monte Athos. Só há dois dias ouvi falar neste estado independente pertencente à Igreja Ortodoxa que é uma espécie de Vaticano dos Ortodoxos só que muito maior. O território é uma península de cerca de 50 Km por 12 Km onde existem 20 mosteiros. Pode visitar-se de barco porque a passagem por terra é reservada aos monges mas dizem-me que existe uma lista de espera de meses para a visita pois só autorizam 150 visitantes por dia e, curiosidade ainda maior: não é permitida a entrada a mulheres neste estado independente, para não destabilizarem os cerca de 2000 monges que lá vivem.

Contaram-me que são riquíssimos pois muitos milionários dão fortunas para essa sede da igreja ortodoxa, nomeadamente os russos. Há uns anos houve um importante patriarca que aqui morreu quando chegava com 16 acompanhantes e o seu helicóptero caiu. Deus queira que me deixem entrar. Estou muito curioso. Sem mulheres deve ser um sossego.