Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Mini Cooper S Cabrio Highgate

VISÃO Motores

  • 333

A família Mini cresceu, ganhou novas formas e apelidos. Roadster, Countryman, Paceman, Jonh Cooper Works

MÁSCARA, CAOS E SILÊNCIO - É a primeira sensação e uma espécie de passaporte para uma nova realidade: o momento em que nos colocam a máscara de oxigénioe, na maca, entramos num mundo de caos e de silêncios, onde o medo se confunde com a esperança que nos colocam a máscara de oxigénioe, na maca, entramos num mundo de caos e de silêncios, onde o medo se
1 / 25

MÁSCARA, CAOS E SILÊNCIO - É a primeira sensação e uma espécie de passaporte para uma nova realidade: o momento em que nos colocam a máscara de oxigénioe, na maca, entramos num mundo de caos e de silêncios, onde o medo se confunde com a esperança que nos colocam a máscara de oxigénioe, na maca, entramos num mundo de caos e de silêncios, onde o medo se

moonspell
2 / 25

moonspell

moonspell
3 / 25

moonspell

moonspell
4 / 25

moonspell

moonspell
5 / 25

moonspell

moonspell
6 / 25

moonspell

moonspell
7 / 25

moonspell

moonspell
8 / 25

moonspell

moonspell
9 / 25

moonspell

moonspell
10 / 25

moonspell

MÁSCARA, CAOS E SILÊNCIO - É a primeira sensação e uma espécie de passaporte para uma nova realidade: o momento em que nos colocam a máscara de oxigénioe, na maca, entramos num mundo de caos e de silêncios, onde o medo se confunde com a esperança que nos colocam a máscara de oxigénioe, na maca, entramos num mundo de caos e de silêncios, onde o medo se
11 / 25

MÁSCARA, CAOS E SILÊNCIO - É a primeira sensação e uma espécie de passaporte para uma nova realidade: o momento em que nos colocam a máscara de oxigénioe, na maca, entramos num mundo de caos e de silêncios, onde o medo se confunde com a esperança que nos colocam a máscara de oxigénioe, na maca, entramos num mundo de caos e de silêncios, onde o medo se

moonspell
12 / 25

moonspell

moonspell
13 / 25

moonspell

moonspell
14 / 25

moonspell

moonspell
15 / 25

moonspell

moonspell
16 / 25

moonspell

moonspell
17 / 25

moonspell

moonspell
18 / 25

moonspell

moonspell
19 / 25

moonspell

moonspell
20 / 25

moonspell

moonspell
21 / 25

moonspell

moonspell
22 / 25

moonspell

moonspell
23 / 25

moonspell

moonspell
24 / 25

moonspell

moonspell
25 / 25

moonspell

Lançado em 1959 pela British Motor Corporation sob a batuta de Sir Alexander Issigonis, o Mini continua a ser um dos carros mais simpáticos e carismáticos da indústria automóvel.

Na década de 80, a Rover vendeu a Mini aos alemães da BMW. A gama evoluiu conquistando diferentes clientes. O Mini mais famoso é o Coupé, logo seguido do Clubman. A família Mini cresceu, ganhou novas formas, conceitos, apelidos. Roadster, Countryman, Paceman, Jonh Cooper Works.

O modelo mais barato no nosso país é o One com motor a gasolina de 75 CV com um preço a partir de 16.900 euros. O Mini é um carro sólido, bem construído, refinado. Ao volante é muito divertido de conduzir. É um daqueles automóveis que não deixa ninguém indiferente. A aparência é simpática, o aspeto robusto, a fama de carro fiável fazem do pequeno Mini um automóvel muito apreciado pelas novas gerações e de uma forma especial pelo público feminino. 

De capota aberta ou fechada...o Cooper S é viciante

Desta vez conduzi o Mini Copper S Cabrio Highgate com o motor de 184 CV. Seja de capota aberta ou fechada temos sempre divertimento garantido. O comportamento dinâmico deste pequeno desportivo é simplesmente apaixonante. O Mini é um carro relativamente leve, pesa 1.685 kg. A capacidade do depósito de combustível (50 litros) e o espaço reduzido na bagageira (125 litros) são os dois contras a ponderar para quem pretende comprar um Mini. O espaço nos lugares traseiros é acanhado e transportar dois adultos nas viagens mais longas não é aconselhável.

O novo motor 1.6 litros a gasolina, 4 cilindros em linha, Turbo, permite acelerações de fazer inveja a muitos desportivos. O binário de 260 Nm às 1700 rotações trata do resto. O Cooper S anda que se farta, é ágil, curva que é uma maravilha, torna-se viciante a cada passagem de caixa, neste caso com seis velocidades. Quando acionamos o Sport Button o Cooper S Cabrio ganha ainda mais alma. O som debitado pela dupla ponteira de escape é música para os meus ouvidos. Eu sei que alguns clientes compram um Mini como segundo carro, no meu caso, servia perfeitamente para o dia-a-dia.

Fiquei surpreendido com os consumos do Copper S Highgate. Quem o viu e quem o vê! Desta vez consegui consumos médios de oito litros para percorrer 100 quilómetros. O motor do Copper S da primeira geração raramente baixava dos 12 litros.

No caso desta versão Highgate (mais 3.292 euros) pode ter um nível de equipamento bastante completo. Ar condicionado automático, faróis bixénon, Sport Button, sensor de chuva e luz, volante multifunções, isto para referir apenas alguns opcionais. O sistema Bluetooth com interface áudio USB custa 456.28 euros.

O preço base deste carro é 29.731 euros, com os opcionais sobe para os 36.569 euros. Para o mês de Novembro está prevista uma grande festa em três cidades - Londres, Los Angeles e Shangai - para o lançamento da nova geração Mini Cooper.

É tão giro ter um Mini!