Londres, 10 jul (Lusa) - O antigo presidente executivo do banco Barclays abdicou de 20 milhões de libras (25 milhões de euros) em potenciais prémios de desempenho, adiantou hoje o presidente do conselho de administração demissionário, Marcus Agius.

Mesmo assim, Bob Diamond, que se demitiu na semana passada devido ao escândalo da manipulação de taxas de juro, terá direito a perto de dois milhões de libras (2,5 milhões de euros) pela saída antecipada, correspondendo a um ano de salário e contribuições para a pensão.

Agius, que também se demitiu mas que se mantém em funções até encontrar um substituto para Diamond, disse hoje perante uma comissão parlamentar que este acordo foi voluntário.