Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Rita Cruz

Rita Cruz

KUALA LUMPUR, MALÁSIA Rita mudou-se em Julho para a Malásia, deixando para trás a Austrália onde viveu dois anos. Já montou casa em várias partes do mundo. É fisioterapeuta, mas trabalhou durante vários anos no ramo dos Direitos Humanos e ajuda humanitária. Tem dois filhos pequenos, de 2 e 4 anos.

  • Braga, pelo canudo do meu tempo

    KUALA LUMPUR - Quando abraço quem aqui vim ver e percebo que ninguém está a ponto de perder o equilíbrio, percebo que estar fora é um bocadinho isto. Não acompanhar as mudanças, não ceder à banalidade do hábito. E um dia, ao chegar, apanhar com tudo de chofre e perceber que sim, é verdade… tudo na vida tem um fim

  • Coming home for Christmas

    KUALA LUMPUR, MALÁSIA - A falta do frio é particularmente presente em alturas do ano como esta: a época que antecede o Natal. Pese a maioria muçulmana no país, o Natal já invadiu muitos recantos de Kuala Lumpur

  • Hong Kong devia fazer yoga

    KUALA LUMPUR, MALÁSIA - Quantas grandes cidades haverá assim - destas que diariamente negoceiam milhares de almas - que conseguem parar e sorrir com gosto quando um miúdo se cruza na rotina diária e lhes atrapalha o caminho?

  • Nós lá fora

    Rita Cruz

    Dream City

    KUALA LUMPUR, MALÁSIA - Conduz-se aqui em mão e contra-mão, à velocidade que apetece. Estaciona-se em quinta fila, se for preciso, para poupar três metros de caminho. Fazem-se rotundas ao contrário, não sei se para poupar três segundos de tempo ou seis gotas de gasolina.

  • As vidas que por mim passam

    KUALA LUMPUR, MALÁSIA - Nas poucas manhãs em que não há a urgência dos ponteiros, ela tem sempre imenso a dizer e eu imenso a ouvir. Mais do que conversas são monólogos de alguém que passa muito tempo sozinha e não gosta

  • Verdadeiramente Malaios

    KUALA LUMPUR, MALÁSIA - Eis o meu contributo, através das palavras de Lili, para desmistificar a harmonia étnico-racial da Malásia. Não gostei de perder a esperança e ilusão que a crença no slogan me davam. Mas descansar encostado à mentira é a melhor forma de matar a esperança