Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Assunção Esteves: "demissão" !!

Fórum

  • 333

Aos gritos de "demissão" na passada 5ª Feira na Assembleia da República, não se limitou a mandar calar a assistência, quem assistia à sessão da AR do dia 11/ 07. Lida mal com as contrariedades, pior com os desafios ao seu autoritarismo, autocracia; não suporta as manifestações de descontentamento popular que há em São Bento, de vez em quando..

A Presidente da Assembleia da República (Assunção Esteves, AE), dignifica em sentido bem negativo, o exercício do cargo que desempenha; nem sei o que faz para além de se despentear quando se levanta, vestir-se com o melhor que há (por ser mais caro e de "marca"), envergonhar-se com a família de sangue que a criou (Pai Alfaiate) e deu corpo à sua formação académica; sou amigo de verdade de colegas dela, da AE (ao tempo) no Liceu de Chaves, pessoas banal como os outros alunos, tornou-se no que é, na política. Oportunista qb, cedo aproveitou o facto de ao tempo as reformas "oportunistas", contemplarem quem com 10 - sim dez.. - anos de serviço e mais de 40 - quarenta - de idade poder ter a "reforma por inteiro", do tribunal constitucional. Decorre o facto de estar reformada desde os seus 42 anos; que vergonha meu Deus.

Como queremos ter gente desta sem ser demitida !! Meu Deus, gente que não presta, ela, o ex-marido e seja lá quem for; meu Deus, somos mesmo uns cordeirinhos que votamos em toda a gente que não presta; não presta mesmo.

Aos gritos de "demissão" na passada 5ª Feira na Assembleia da República, não se limitou a mandar calar a assistência, quem assistia à sessão da AR do dia 11/ 07. Lida mal com as contrariedades, pior com os desafios ao seu autoritarismo, autocracia; não suporta as manifestações de descontentamento popular que há em São Bento, de vez em quando..

Não se limitou a criticar, fez uma sugestão, uma declaração e uma citação.

i) Sugeriu que se repensasse a possibilidade do Público ter acesso à Assembleia, em S. Bento.

ii) Declarou que não foi "eleita" para ser amedrontada, desrespeitada, em nome de todos os deputados - no plural.

iii) Citou Simone de Beauvoir quando "disse": " não podemos deixar que os carrascos nos criem maus costumes ".

Beauvoir (ao tempo..) referiu-se à opressão nazi sobre os Franceses durante a segunda Guerra Mundial; AE equiparou Portugueses a torturadores e carrascos nazis - a AE foi nojenta, desumana, "porca". Quem tem medo do Povo que diz Representar (sem acreditar), não merece ocupar o segundo lugar da hierarquia do Estado Português.

Temos na AE uma reformada que optou pela Reforma golpista que tem (superior ao ordenado do cargo na Assembleia), a que soma o valor das ajudas de custo mensais, de 2 mil e muitos Euros. Uma vergonha.

Ah, esqueci-me de "citar" que reune com o "povo", amíude, na super elitista praia do Gigi, na Quinta do Lago, no Algarve. Enfim, coisas da frustada da AE.