Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Dez ativistas do Greenpeace detidos durante protesto contra Gazprom

Energia

  • 333

A polícia de Moscovo deteve hoje dez ativistas da organização ambientalista Greenpeace que protestavam em frente à sede da Gazprom, a empresa de petróleo e de gás natural russa, contra a prospeção em curso no Ártico.

Os manifestantes, quatro dos quais estavam disfarçados de ursos polares, espalharam neve sintética no local e chegaram a cortar a estrada que fica em frente ao edifício.

O grupo que protestava contra as perfurações que a Gazprom está a realizar no norte do país foi detido e conduzido a uma esquadra para averiguações sendo que podem ser acusados de perturbação da ordem pública.