O Gao Kao, um importante exame, é já em junho e uma escola chinesa não se poupa a esforços para preparar os jovens, dando origem às insólitas imagens agora divulgadas na Internet: uma sala de aulas com vários equipamentos para a administração intravenosa de aminoácidos.

O método é confirmado pelo diretor da escola, que adianta que já era possível a qualquer aluno que não se sentisse bem dirigir-se à enfermaria para "tomar a dose" de aminoácidos capaz de lhes dar uma dose extra de energia para estudar. Agora, para poupar tempo, o suplemento foi levado até às salas.

As imagens, datadas de sexta-feira à noite, estão a levantar um coro de protestos, com vários médicos, incluindo chineses, a garantirem que a técnica não traz nada de positivo ao estudo e que, pelo contrário, pode ser prejudicial aos alunos, afetando os rins e e levando a uma perda de cálcio devido ao excesso de proteínas, como alerta Gao Huiying, presidente da Sociedade Chinesa de Nutrição, ouvido pelo China Daily.