Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Tram-Train para o Norte: emprego, mais turismo e não-SCUT sustentável

Altavisa

  • 333

Os tram-trains de Gotemburgo, Telavive e Valência já chegam a vilas vizinhas. Hoje asbaterias de lítio-polímero ou de ião líquidotêm muito mais potência do que a tradicional.A nova tecnologia é carregá-las na travageme quando a composição desloca-se na linhaeletrificada. Isto permite às composições curtas(2 carruagens longas e 3 curtas - a retirar nos horáriosde pouco uso) para uns 190 passageiros sentados e 250 de pé, transitar na periferia das cidadese chegar ao hub central da urbe sem eletrificar a zona urbana. Aqui rodam a baixa velocidade;entre as cidades a 120km/h. Aqui abrem-se degraus para o nível da rua.

jack Soifer