Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

Casa da Música leva concertos grátis a 9 cidades do País

Ver

Este ano, o Verão da Casa vai levar as orquestras Sinfónica e Barroca a 9 cidades, de norte a sul do País. O ciclo Orquestra no Património é a grande novidade do festival que, até setembro, conta com dezenas de concertos na esplanada da Casa da Música. Tudo grátis

A Orquestra Barroca, juntamente com a Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música, estreiam-se numa digressão pelo património do nosso País

A Orquestra Barroca, juntamente com a Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música, estreiam-se numa digressão pelo património do nosso País

Não será tarefa fácil levar centenas de instrumentos e dezenas de músicos a atravessar o País, de norte a sul, nos 9 concertos fora da Casa da Música, no Porto, agendados para os próximos três meses. O ciclo Orquestra no Património é a grande novidade da edição deste ano do Verão da Casa que, além de dezenas de concertos diários – a maioria gratuitos, na esplanada e nas salas do edifício –, levará as orquestras Sinfónica e Barroca a várias praças, de Viana do Castelo a Faro. “Faltava [à Casa da Música] adquirir esta dimensão nacional”, salienta António Jorge Pacheco, diretor artístico e de programação. “Democratizar o acesso à música clássica”, através de espetáculos ao ar livre, “em zonas do País onde a população tem menos oferta”, é o objetivo desta iniciativa que deverá ter continuidade no próximo ano. “É uma forma de valorizar o interior, de contribuir para a coesão territorial”, reforça António Jorge Pacheco.

A Orquestra Sinfónica, composta por cerca de 80 elementos, abre esta digressão pelo património em Lisboa, na Praça do Município, no dia 13 julho, num concerto dirigido pelo seu maestro titular Baldur Brönnimann, com um repertório que vai da Rússia de Dmitri Chostakovitch ao México de Árturo Marquez, passando por um Fandango de Luís de Freitas Branco. Segue-se a Praça Dr. José Vieira de Carvalho, na Maia (20 jul), e a Praça Guilhermina Suggia, em Matosinhos (27 jul), num concerto onde se junta o trio de jazz de Avishai Cohen.

Em setembro, a Orquestra Barroca, dirigida pelo violinista e contratenor Dmitry Sinkovsky, estreia-se na Praça do Giraldo, em Évora (5 set), com música de dança francesa, nomeadamente a célebre Música Aquática, de Händel, e composições de Vivaldi. Depois, atua na Avenida dos Aliados, no Porto (6 set), num concerto festivo que percorre França, Inglaterra e Itália de Vivaldi. Neste palco, no centro da cidade, apresenta-se também a Orquestra Sinfónica (7 set), num concerto que inclui Carnaval Romano, de Hector Berlioz, La Milonga del Angel, de Piazzolla, Mothership, de Mason Bates, entre outras partituras.

Nesse mesmo dia 7 de setembro, já a Orquestra Barroca estará no Jardim do Cerco, na Tapada de Mafra, seguindo para Braga (Praça do Município, 8 set), Faro (Praça da Sé Catedral, 8 set), Castelo Branco (Largo da Sé, 10 set) e, por fim, Viana do Castelo (Praça da República, 11 set).

Todos os dias, a esplanada e o café da Casa da Música têm concertos gratuitos

Todos os dias, a esplanada e o café da Casa da Música têm concertos gratuitos

alexandre_delmar

Na Casa da Música, como tem sido habitual durante os meses de verão, é a esplanada a receber os concertos diários (com entrada livre), de vários géneros musicais, com enfoque no Novo Mundo, o grande continente que a programação celebra ao longo de 2019. No cartaz, estão as atuações do brasileiro DJ Dolores, que apresenta o novo álbum Buenaventura já neste sábado, 6, dos Coladera (12 jul), da brasileira Luedji Luna, filha de ativistas políticos negros (13 jul), de Lia Paris (20 jul), dos Cordel e da dupla Edu Mundo e João Pires (26 jul). Em agosto, marcam presença o norte-americano Jake Shane (22 ago), o compositor carioca Pedro Luís (23 ago), os venezuelanos C4 Trio a tocarem com o cuatro, uma pequena guitarra de 4 cordas (29 ago), e a banda chinesa Wu Tiao Ren (31 ago), entre muitos outros. Na Sala 2 da Casa da Música, o ciclo Portugal a Gosto dedica todos os dias do mês de agosto ao fado (18h30; bilhetes €12), com as atuações de Helena Sarmento (domingos), Francisco Moreira (segundas), os fado Violado (terças), Mariana Correia (quartas), Miguel Xavier (quintas), do grupo P’las Cordas da Guitarra (sextas) e de Adriana Paquete (aos sábados). Haja música!

Verão da Casa > Casa da Música > Av. da Boavista, 604, Porto > T. 22 012 0220 > até 11 set > concertos na esplanada grátis