Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

“A Surpreendente Fábrica do Chocolate”: Cheira a cacau no musical deste Natal em Matosinhos

Ver

Nesta história há uma bruxa, uma princesa, um príncipe e, claro, cenários coloridos. O musical A Surpreendente Fábrica de Chocolate, escrito para crianças, está em cena no parque exterior do Mar Shopping, em Matosinhos, até 6 de janeiro

A atriz Rita Ribeiro é Benedita, a dona da fábrica de chocolates A Surpreendente

A atriz Rita Ribeiro é Benedita, a dona da fábrica de chocolates A Surpreendente

“Gira gira, roda roda, abre, fecha, mexe mexe, gira gira, roda roda…”. A cantilena marca o dia-a-dia na centenária fábrica de chocolates A Surpreendente. O ambiente, aparentemente feliz, muda, contudo, com a chegada de Bartolomeu V (quinta geração da família), que – vindo pelos ares, literalmente – decide contratar um “diretor inovador de novidades novas”. O roubo da antiga receita do chocolate põe em causa o futuro d’A Surpreendente, mas a boa notícia é que os empregados Belinda e Baltazar acabam por salvar a fábrica e apaixonam-se, como quase sempre acontece em todos os contos.

A Surpreendente Fábrica de Chocolate, musical para crianças produzido pela AM, está em cena até 6 de janeiro, em Matosinhos, e da história fica a mensagem de que “a inovação está no interior de cada um”.

Herman José dá voz aos patriarcas das quatro gerações da família

Herman José dá voz aos patriarcas das quatro gerações da família

Escrita pela jornalista Raquel Matos Cruz, que se estreia como guionista, e encenada pelo argentino Cláudio Hochman, a peça conta com a atriz Rita Ribeiro no papel de Benedita, a dona da fábrica que usa uns curiosos óculos vermelhos. Herman José dá voz aos patriarcas das quatro gerações da família, com o humor que o carateriza, Mariana Barbosa assina a coreografia e a composição musical é de Liliana Moreira – a peça tem música tocada ao vivo.

À VISÃO Se7e, Raquel Matos Cruz conta que as histórias de “príncipes e princesas corporizam o encanto e o amor, vilões, a maldade e a intriga”. Neste caso, porém, a princesa [Belinda] não acaba nos braços do suposto príncipe [Bartolomeu V]. O grande momento romântico, com direito ao tradicional beijinho, acontece com um quase anti-herói: Baltazar, o rapaz que está sempre a rimar. Apesar de ter sido a primeira vez que escreveu um guião, a jornalista confessa gostar de criar histórias desde sempre e de ter os seus três filhos como fonte de inspiração. Uma coisa é certa: depois de assistir a este musical, onde se ouve falar de bombons e de tabletes, quase se sente o cheiro a chocolate.

Belinda e Baltazar acabam por recuperar a receita antiga e salvar o futuro da fábrica de chocolates

Belinda e Baltazar acabam por recuperar a receita antiga e salvar o futuro da fábrica de chocolates

A Surpreendente Fábrica do Chocolate – O Novo Musical > Mar Shopping (parque exterior), Leça da Palmeira, Matosinhos > T. 707 919 280 > até 6 jan, qua-sáb, dom 11h, 15h, 18h, seg-ter 15h, 18h (excepto 24, 25 dez e 1 jan) > a partir €11,50 (crianças) e €14,50 (adulto)