Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

Casa da Arquitetura festeja primeiro aniversário com três dias de atividades à borla

Ver

Visitas orientadas às exposições, ao edifício e ao arquivo, concertos e conferências. Assim se faz a festa do primeiro aniversário da Casa da Arquitetura, em Matosinhos, a partir desta sexta, 16 e até domingo, 18. Tudo com entrada gratuita

A Casa da Arquitetura, obra do arquiteto Guilherme Machado Vaz, inaugurou em 17 de novembro de 2017

A Casa da Arquitetura, obra do arquiteto Guilherme Machado Vaz, inaugurou em 17 de novembro de 2017

Ivo Tavares Studio

Mais de 50 mil pessoas entraram no primeiro ano da Casa da Arquitetura – Centro Português de Arquitetura, no renovado quarteirão da Real Vinícola, em Matosinhos. Nuno Sampaio, diretor da instituição congratula-se com o facto de ter conseguido “chegar a vários públicos, levando a arquitetura fora dos limites da profissão”. “Criar coleções transversais com uma curadoria específica num determinado território e tempo”, e, por outro lado, “arquivar arquitetura, tratando-a e pondo-a em debate público” continuam a ser os objetivos da Casa da Arquitetura. Um dos próximos acervos a entrar no arquivo será o do arquiteto Pedro Ramalho – cujo contrato de doação é assinado neste sábado, 17 –, estando prevista uma exposição para setembro de 2019.

Paula Morelenbaum cantou durante mais de uma década com Tom Jobim

Paula Morelenbaum cantou durante mais de uma década com Tom Jobim

O primeiro aniversário é assinalado com três dias de atividades gratuitas (quase 30, no total), destinadas a toda a família. Nesta sexta, 16, e além de abrir as portas à noite para a visita gratuita às duas exposições sob o lema do Brasil: Infinito Vão: 90 anos de Arquitetura Brasileira e Duas Casas: Paulo Mendes da Rocha, haverá oportunidade para cruzar a arquitetura com a música popular brasileira. Nesta noite, Fernando Serapião apresenta, primeiro, a cenografia feita pelo arquiteto brasileiro Oscar Niemeyer (em 1956) para a peça Orfeu da Conceição (que, pela primeira vez, juntou Vinicius de Moraes e Tom Jobim). Depois, uma aula/show junta o músico e ensaísta brasileiro José Miguel Wisnik e o filho, o arquiteto Guilherme Wisnik (sex, 16 nov, 21h30). Outro ponto alto será o concerto neste sábado, 17, às 21 e 30, com a voz e a percussão de Paula Morelenbaum, o piano e voz de José Miguel Wisnik e o violão de Gabriel Improta, à volta da música de Vinicius e Tom.

Muitas conversas assinalam este primeiro aniversário da Casa da Arquitetura, como o Debate Leituras Cruzadas Portugal-Brasil (sáb, 17, 18h) com Maria Elisa Costa, filha do arquiteto brasileiro Lúcio Costa, e Ana Vaz Milheiro, professora e crítica de arquitetura. No domingo, 18, Arquitetura no Palco (18h30) junta Barry Bergdoll (MoMA), Delfim Sardo (Culturgest, Lisboa), Pipo Ciorra (Museo Nazionale Delle Arti del XXI Secolo, Roma), Olivia Horsfall Turnet (Victoria and Albert Museum, Londres) e Nuno Sampaio, numa conversa moderada por João Belo Rodeia.

A praça exterior do quarteirão da Real Vinícola está reservada às performances: a companhia Radar 360º apresenta o espetáculo deambulatório Transportadores (sex-sáb, 16-17 nov, 20h20), enquanto a Companhia Instável explora Corpos em Vão (sáb-dom, 17-18 nov, 16h, 17h, 18h, 19h e 22h). No sábado e domingo, dias 17 e 18, há visitas orientadas à Casa, ao Arquivo e às exposições, com Nuno Sampaio, José Fonseca e com os curadores da exposição sobre os 90 anos da arquitetura brasileira, Fernando Serapião e Guilherme Wisnik. Para as crianças, decorrem várias oficinas promovidas pelo serviço educativo: Maloca (sáb-dom, 17-18 nov, 10h-18h, 6-12 anos), Arquidetetives (sáb-dom, 17-18 nov, 10h, 6-10 anos), Como se inventa um país (sáb-dom, 17-18 nov, 11h), À descoberta do arquivo (sáb-dom, 17-18 nov, 15h) e Visita Desenhada Real Vinícola (sáb-dom, 17-18 nov, 17h).

Casa da Arquitetura > Real Vinícola, Av. Menéres, 456, Matosinhos > T. 22 240 4663 > 16-18 nov, sex 20h-24h, sáb 10h-2h, dom 10h-21h > grátis (levantamento bilhetes até lotação da sala, limitado a dois/pessoa)