Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

Meo Marés Vivas: O grande festival do Norte

Ver

  • 333

A praia do Cabedelo, à beira Douro, em Vila Nova de Gaia, recebe este ano músicos como Sting, Scorpions e Seu Jorge. O festival Meo Marés Vivas começa esta sexta-feira, 14, e prolonga-se até domingo, 16

Para a noite de domingo, 16, está reservado o nome mais forte e talvez o mais aguardado desta edição, que dá pelo nome de Sting

Para a noite de domingo, 16, está reservado o nome mais forte e talvez o mais aguardado desta edição, que dá pelo nome de Sting

Norsk Telegrambyra AS

Com uma clara aposta num segmento mais familiar, com propostas ecléticas e abrangentes, de modo a agradar a todos os tipos de público, desde há muito que o Marés Vivas se afirmou como um dos mais importantes festivais de verão no calendário nacional. Este ano não foge à regra, com o bonito cenário da praia do Cabedelo, em plena foz do Douro, a receber três dias seguidos de música que têm início nesta sexta, 14, num alinhamento com os portugueses Agir e Diogo Piçarra, o grupo britânico de rock alternativo Bastille e o também inglês Tom Chaplin, mais conhecido como vocalista e líder da banda pop Keane, que vem apresentar o primeiro álbum a solo, The Wave.

No sábado, 15, os maiores protagonistas da noite serão os rockers alemães Scorpions, que continuam a celebrar em palco o meio século de carreira, festejado o ano passado. Os portugueses Amor Eletro e Expensive Soul, bem como os dinamarqueses Lukas Graham, são as restantes propostas desse dia.

Como já começa a ser da tradição, para a noite de domingo, 16, está reservado o nome mais forte e talvez o mais aguardado desta edição, que dá pelo nome de Sting. Apesar de ser há muito visita regular dos palcos nacionais, cada concerto do músico britânico é sempre encarado pelos fãs como um acontecimento único, que neste caso servirá também para apresentar pela primeira vez ao vivo, em Portugal, o mais recente álbum de originais, 57th & 9th, editado no ano passado.

A exemplo das edições anteriores, o Marés Vivas contará com um segundo palco, dedicado em exclusivo à música nacional, por onde irão passar Os Quatro e Meia e Souls of Fire (sex, 14), João Pequeno, Kappa Jotta e Mundo Segundo (sáb, 15) ou Átoa e Caelum (dom, 16).

Meo Marés Vivas > Praia do Cabedelo, Vila Nova de Gaia > 14-16 jul, sex-dom 17h > €35 a €60 (passe)