Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

'Cosmos Discovery', a maior exposição sobre a exploração espacial está em Lisboa

Ver

  • 333

A exposição Cosmos Discovery é uma viagem ao Espaço, através dos objetos e das histórias de quem por lá andou. Para ver a partir desta sexta-feira, 14, em Lisboa

Vanessa Portugal

Para a exposição Cosmos Discovery, foi montada uma tenda de 2500 metros quadrados em Belém
1 / 12

Para a exposição Cosmos Discovery, foi montada uma tenda de 2500 metros quadrados em Belém

Luís Barra

São mais de 200, os objetos originais da NASA e de outras agências espaciais em exposição
2 / 12

São mais de 200, os objetos originais da NASA e de outras agências espaciais em exposição

Luís Barra

Algumas das peças exibidas na exposição vieram do museu Cosmosphere, no Kansas, Estados Unidos
3 / 12

Algumas das peças exibidas na exposição vieram do museu Cosmosphere, no Kansas, Estados Unidos

Luís Barra

Módulo de comando da Apollo
4 / 12

Módulo de comando da Apollo

Luís Barra

Lunar Rover, uma viatura espacial para recolher pedaços retirados na Lua
5 / 12

Lunar Rover, uma viatura espacial para recolher pedaços retirados na Lua

Luís Barra

Cápsula interior de transporte de astronautas da União Soviética
6 / 12

Cápsula interior de transporte de astronautas da União Soviética

Luís Barra

Robótica espacial
7 / 12

Robótica espacial

Luís Barra

Sacos de comida desidratada comprimida que os astronautas levavam para espaço
8 / 12

Sacos de comida desidratada comprimida que os astronautas levavam para espaço

Luís Barra

Luvas do fato espacial americano utilizado pelos austronautas para atividades fora do vaivém como caminhadas no espaço
9 / 12

Luvas do fato espacial americano utilizado pelos austronautas para atividades fora do vaivém como caminhadas no espaço

Luís Barra

Na sala Apollo podemos ver uma réplica de um foguetão americano
10 / 12

Na sala Apollo podemos ver uma réplica de um foguetão americano

Luís Barra

Fato espacial que protege o astronauta nos períodos fora da nave
11 / 12

Fato espacial que protege o astronauta nos períodos fora da nave

Luís Barra

José Araújo, produtor executivo da exposição em Portugal, no interior do cockpit de uma nave, onde os visitantes podem também entrar
12 / 12

José Araújo, produtor executivo da exposição em Portugal, no interior do cockpit de uma nave, onde os visitantes podem também entrar

Luís Barra

São mais de 200 objetos da NASA e de outras agências espaciais, como a da antiga União Soviética, na exposição Cosmos Discovery, que inaugura esta sexta-feira, 14, junto à Estação Fluvial de Belém, no Terreiro das Missas, em Lisboa. A mostra, que pretende contar o passado, o presente e o futuro da exploração espacial, divide-se em seis galerias que ocupam cerca de dois mil e 500 metros quadrados, numa enorme tenda montada para o efeito.

Os visitantes terão a oportunidade de ver modelos, cápsulas, equipamentos, fatos espaciais e até pedaços de asteróides com milhões de anos. Em Cosmos Discovery, poderemos também reviver as histórias de quem andou pelo Espaço, como a cadela Laika, o primeiro ser vivo terrestre a ser lançado para o Espaço, Yuri Gagarin, o primeiro homem a passar a barreira da atmosfera, e Valentina Tereshkovae, a primeira mulher a partir numa nave espacial.

Também o chimpanzé americano Enos será recordado, através de uma réplica da cápsula em que viajou, em 1961, a bordo da nave Mercury. Ou o astronauta David Scott, de quem Cosmos Discovery mostra um casaco que usou quando pisou a Lua durante a missão Apollo 15. Não faltam objetos do quotidiano no Espaço, expostos nas vitrinas da exposição: sacos de comida embalada (doce de pêssego, salada de atum, bolachas de água e sal), as meias de Donald Kent Slayton, o cantil onde Yuri Gagarin levava vodca, pacotes de higiene da Apollo, uma t-shirt usada por William Reid Pogue na viagem ao Espaço do programa americano Skylab, três módulos básicos originais da nave soviética Soyuz.

“Assim que entrarem na primeira galeria, as pessoas vão sentir-se num ambiente espacial. E ver as necessidades que eles [astronautas] passavam, entendendo como as coisas funcionavam. Chegam ao fim da exposição e apercebem-se como a exploração espacial é importante para a humanidade”, acredita José Araújo, produtor executivo da empresa World Crew Events e da Cosmos Discovery em Portugal. “Esta exposição pode levar os visitantes a explorar um universo paralelo ao nosso”, acrescenta. É a primeira vez que o módulo lunar que foi usado nas missões Apollo é exibido fora dos Estados Unidos e na mostra estão também partes originais do motor F1 do foguetão Saturno V.

Cosmos Discovery, que começa a sua digressão em Lisboa e vai viajar pelo mundo nos próximos cinco anos, tem ainda mesas de controlo de missões originais e um modelo à escala da nave americana Mercury. E num cockpit de uma nave espacial, onde nos deixam entrar e sentar, será possível imaginarmo-nos astronautas, a viajar pelo Espaço.

Cosmos Discovery > Terreiro das Missas, Estação Fluvial de Belém, Lisboa > T. 91 049 4012 > a partir 14 abr, seg-dom 10h-20h > €16/adulto, 5-12 anos/€12, até 4 anos grátis, +65 anos €14