Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

Há um novo canal de notícias do desporto, o Sport TV+

TV

Neste novo canal de informação, em sinal aberto em todos os operadores, não há transmissões de jogos, provas ou competições. Apenas noticiário, análise e debate. O Sport TV+ começa a emissão esta sexta-feira, 5, às 11 e 55

Nuno Ferreira, diretor de programas e de informação da Sport TV

Nuno Ferreira, diretor de programas e de informação da Sport TV

Este ano, a época de contratações não aconteceu só no mundo do futebol. Nos últimos quatro meses, o mercado de transferências também andou agitado no panorama televisivo, com jornalistas e comentadores desportivos numa verdadeira dança das cadeiras. Com a chegada do novo canal Sport TV+, estreia-se esta sexta-feira, 5, foi preciso contratar 35 pessoas que se juntaram à equipa de 110 já existente, entre eles, nomes como Miguel Prates, Nelson Pereira, André Neto Oliveira, Marta Grilo e Carla Sousa Coelho. Também criaram uma redação no Porto e dois novos estúdios em Lisboa, de onde vão emitir a maior parte da programação em direto.
A ideia deste “projeto jornalístico” não é ter transmissões de jogos, provas e competições, como garante Nuno Ferreira, diretor de programas e de informação da Sport TV. Além de documentários, reportagens e magazines internacionais dedicados a várias modalidades, também haverá espaço de debate e, do leque de contratações, fazem parte Simão Sabrosa (ex-jogador), Ricardo Pereira (ex-guarda-redes), Pedro Henriques (ex-jogador), Pedro Henriques (ex-árbitro), Luís Freitas Lobo (advogado e comentador), António Simões (ex-jogador), Helena Costa (treinadora), entre outros.
Apesar de todos os canais de notícias no cabo terem programas dedicados especialmente ao futebol, a Sport TV sentiu que “havia um espaço no mercado televisivo para colmatar no que diz respeito à informação desportiva”, explica Nuno Ferreira. Quando faltarem cinco minutos para o meio-dia desta sexta-feira, 5, a Sport TV+, que irá ocupar a posição 9 das grelhas de todos os operadores de televisão por cabo, começa com o Grande Jornal, um dos seus principais blocos noticiosos. Destaque também para a Manhã Informativa (7h55) e a Noite Informativa (20h55). “Todos os serviços noticiosos começam ao minuto 55, antecipando os noticiários à hora certa. Queremos que as pessoas se habituem a essa hora”, continua.
Ao fim de semana, a Grande Jornada é uma emissão contínua, entre as 14 e as 21 horas, que acompanhará todas as competições que existirem nesse dia, desde futebol, Fórmula 1, ténis, golfe ou moto GP. Às sextas ao serão, reza-se O Último Terço, uma rubrica integrada na noite informativa com três padres a falar sobre o mundo do futebol, analisando a atualidade, a pré-época, as contratações, o início do campeonato... O trio de adeptos fanáticos e religiosos é composto pelos padres Nuno Coelho, pelo Sporting, Paulo Franco, pelo Benfica, e Carlos Gonçalves, pelo Futebol Clube do Porto. Um canal abençoado, portanto.

Mesmo sem transmitir provas das 42 modalidades, nem a cerimónia de abertura (dia 5, às 23 e 30, na Sport TV1 e RTP1), a programação inicial do novo canal vai centrar-se nas Olimpíadas.