Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

Noite Branca de Lisboa: Muita animação e lojas abertas até às tantas (e com descontos)

Sair

Em Lisboa, a noite mais branca da cidade acontece nesta sexta, 13, e, desta vez, estende-se a Alvalade, Benfica e Campo de Ourique, com música, dança, artes performativas e lojas abertas pela noite fora

Alexandre Paulo

João Cautela

“Quando o comércio sai à rua” é o tema da terceira edição da Noite Branca de Lisboa que acontece esta sexta, 13, entre as 17 e as 23 horas. O desafio será vestir-se de branco e redescobrir algumas das zonas mais emblemáticas da cidade, este ano, com um programa que se estende até aos bairros de Alvalade, Benfica e Campo de Ourique além dos habituais locais da baixa pombalina. Há DJ’s pelos nove palcos espalhados por Lisboa, espetáculos de artes performativas e dança, numa noite em que o comércio local é o protagonista da festa, com lojas abertas, descontos especiais e um passaporte que o público carimbará para receber um brinde.

No Largo Trindade Coelho, a iniciativa conta com a dupla de DJ’s David Henriques e Carolina Torres. Já no Jardim São Pedro de Alcântara, é a vez da performance de Maria Correia, no Largo Frei Heitor (Alvalade) a música fica a cargo de Rita Mendes, nos comandos da Rua 1º de Dezembro está o DJ Rui Barros e, em Benfica, os South River Jazz Band. A Praça Luís de Camões será o cenário principal desta noite em tom de branco, com o house de Paulo Di-Light a surpreender, a partir das 19 horas, antes da atuação da cantora Wanda Stuart e do judoca medalhado Nuno Delgado, que ali quer juntar a maior “Kata” (movimentos usados nas artes marciais) nacional.

A organização da Noite Branca está a cargo da União de Associações do Comércio e Serviços da Região de Lisboa e Vale do Tejo (UACS), com o apoio da Câmara Municipal de Lisboa, com o objetivo de “dinamizar o comércio da cidade”, sublinha a presidente, Lourdes Fonseca.

Noite Branca > Várias ruas em Lisboa > 13 set, sex 17h-23h > grátis