Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

15 programas grátis para celebrar o Dia e a Noite dos Museus

Sair

Horários alargados, entrada livre e programação reforçada assinalam o Dia Internacional dos Museus e a Noite Europeia dos Museus, dias 18 e 19 de maio, respetivamente. Em Lisboa, a Fundação Gulbenkian estreia Noites Modernas, nesta sexta, 17, com visitas guiadas, DJ sets e espetáculos de circo. Aproveite o embalo e siga estas 15 sugestões que se estendem também para lá do pôr do sol, em Lisboa, Porto, Cascais, Sintra, Mafra, Coimbra e Santa Maria da Feira

A primeira edição de Noites Modernas, na Fundação Gulbenkian, em Lisboa, inclui um DJ set, entre as 19 horas e meia-noite, na esplanada da cafetaria

A primeira edição de Noites Modernas, na Fundação Gulbenkian, em Lisboa, inclui um DJ set, entre as 19 horas e meia-noite, na esplanada da cafetaria

1. Noites Modernas, Fundação Gulbenkian, Lisboa

A Fundação Calouste Gulbenkian estreia Noites Modernas, nesta sexta, 17, mantendo as portas abertas até à meia-noite. O programa desta primeira edição, para todas as idades, tem início às 17h, com visitas guiadas por curadores à Coleção Moderna (17h-18h45, de 15 em 15 minutos) e uma performance de Novo Circo, pela Companhia Armazém Aér(i)o (19h-22h30, várias sessões). Mas há mais: concertos de jazz, sessões de poesia, música eletrónica, conversas com artistas, uma seleção bem-humorada de vídeos da Coleção Moderna, de autoras ou cuja temática gira em torno da mulher. Destaque ainda para Uma Breve Incursão na Poesia Contemporânea Escrita por Mulheres (22h30) e para o DJ set, entre as 19h e a meia-noite, a animar a esplanada da cafetaria.

O Dia Internacional dos Museus, no sábado, 18, será também assinalado a partir das 10h, com mais um espetáculo de circo, seguindo-se um debate para pais e filhos com o tema Artistas, artistas mulheres, o que é que isso interessa e outras questões importantes. Além das visitas guiadas à exposição O Pirgo de Chaves, de Francisco Tropa, haverá ainda jogos de tabuleiro, em parceria com a editora Devir, no átrio da Biblioteca de Arte, e dança entre obras de arte: um solo (15h), pelo bailarino Jorge Vaz, numa coreografia de Ricardo Flores (Conservatório Internacional Annarella Sanchez); e um dueto (17h), pelos bailarinos Jorge Vaz e Marta Mendo Dias. Fundação Calouste Gulbenkian > Av. Berna, 45A, Lisboa > T. 21 782 3000 > 17-18 mai, sex 17h-24h, sáb 10h-18h30 > grátis, mediante levantamento de bilhete no próprio dia (2 bilhetes por pessoa), a partir das 16h, na Coleção Moderna

Organizado pelo Museu da Água, a visita Aqueduto 360º inclui três miradouros emblemáticos de Lisboa: Aqueduto das Águas Livres, Amoreiras 360 Panoramic View e Reservatório da Mãe d’Água das Amoreiras

Organizado pelo Museu da Água, a visita Aqueduto 360º inclui três miradouros emblemáticos de Lisboa: Aqueduto das Águas Livres, Amoreiras 360 Panoramic View e Reservatório da Mãe d’Água das Amoreiras

Euclides Delgado

2. Visita Aqueduto 360º, Lisboa

O Museu da Água, em parceria com o Amoreiras 360º Panoramic View, assinala a Noite Internacional dos Museus, neste sábado, 18, com um roteiro especial, guiado por uma personagem da História de Portugal. El Rei D. João V, O Magnânimo, conduz o passeio com partida no Aqueduto das Águas Livres, onde fará uma introdução histórica, para depois levar os visitantes até ao miradouro do Amoreiras, a 174 metros de altura do nível do mar, e observar a cidade. Dali, a visita guiada prossegue para o Reservatório da Mãe d’Água, construído para receber e distribuir as águas, terminando no terraço deste reservatório. O passeio tem três horários (18h30, 19h30 e 20h30) e será efetuado em grupos de 30 pessoas. Aqueduto das Águas Livres > Cç. da Quintinha, 6, Lisboa > 18 mai, sáb 18h30, 19h30, 20h30 (não aconselhável a menores de 8 anos) > Informações e inscrição (obrigatória) pelo T. 21 810 0215 ou através do email mda.epal@adp.pt > grátis

Encerradas as portas do Museu Nacional de Arte Antiga, às 18 horas, a festa faz-se no jardim com esplanada virada ao rio

Encerradas as portas do Museu Nacional de Arte Antiga, às 18 horas, a festa faz-se no jardim com esplanada virada ao rio

Luís Barra

3. Museu Nacional de Arte Antiga, Lisboa

Este sábado, 18, no Museu de Nacional de Arte Antiga (MNAA), e assinalado o Dia Internacional dos Museus ao longo do dia, com visitas orientadas às obras da coleção, uma visita-jogo para crianças a partir dos 6 anos e a inauguração de Ver de perto. Painéis de São Vicente - ecrã interativo, celebra-se a Noite Europeia dos Museus ao ar livre e com vista para o rio Tejo. Encerradas as portas do museu, às 18 horas, a festa faz-se no jardim com animação e um Happening Operático, com Catarina Molder (21h30). Depois, às 22 horas, solta-se a música na MNAAparty, com os DJ David Mourão Ferreira, Maria Tengarrinha e João Botelho. O restaurante do museu estará também aberto até às 24 horas. R. das Janelas Verdes, Lisboa > T. 21 391 2800 > 18 mai, sáb 10h-18h, 18h-24h > grátis

4. Castelo de S. Jorge, Lisboa

Neste sábado, 18, a partir das 20 e 30, começa a festa no Castelo de S. Jorge com demonstrações de artes bélicas, danças de época no Paço, visitas e oficinas pelo Serviço Educativo do Castelo (Arqueologando, Historiando e Oficina dos Afonsinhos) e o já tradicional Cortejo Real da Meia-Noite. O programa para todas as idades inclui ainda a apresentação da peça Bô é o Asno que me Leva, de Gil Vicente, pela Companhia da Esquina, integrado no Festival FIMFA. R. de Santa Cruz, Lisboa > 18 mai, sáb 20h30-24h > grátis

Biblioteca do Palácio Nacional de Mafra

Biblioteca do Palácio Nacional de Mafra

Marcos Borga

5. Palácio Nacional de Mafra

Na sexta, 17, há uma noite especial em Mafra. Noite no Palácio é a oportunidade para fazer um passeio noturno pelo monumento barroco e insere-se nas comemorações do Dia Internacional dos Museus (18 maio). As visitas guiadas começam às 20 horas, prolongando-se até às 22 horas, e serão especiais não só pelo horário, mas também porque permitirá ver o palácio “habitado” por personagens vestidas à época. A entrada é livre, organizada em grupos de 30 pessoas, no máximo, por ordem de chegada. Convém ir cedo, portanto. Terreiro D. João V, Mafra > 17 mai, sex, 20h-22h > grátis > Informações T. 261 817 550

6. Museu Arpad-Szenes Vieira da Silva, Lisboa

Na Praça das Amoreiras, o Museu Arpad-Szenes Vieira da Silva assinala a Noite Europeia dos Museus neste sábado, 18, com um programa que inclui uma visita guiada à exposição Lusofonia – A Beleza Insensata, Col. Treger-Saint Silvestre, às 18 horas, com o curador António Saint Silvestre, um concerto pelos Solistas da Metropolitana com obras de Dvorák e Penderecki (19h) e o lançamento do catálogo da exposição A Metade do Céu, projeto de Pedro Cabrita Reis (20h30). Nesta noite, em que a entrada no museu é livre até às 23h30, aproveite ainda para ver a exposição O Jardim-Bosque, de Bárbara Assis Pacheco, na Casa-Atelier, composta por 36 cadernos-harmónio desenhados a tinta-da-china. O Vieira Café estará também aberto, com bebidas, salgado e doces da Sam Pastelaria Saudável. Pç. das Amoreiras, 56, Lisboa > Casa-Atelier Vieira da Silva > Alto de São Francisco, 3, Lisboa > T. 21 388 0044 / 53 > 18 mai, sáb 18h-23h30 > grátis

7. Museu do Ar, Sintra

Em Pêro Pinheiro, o Museu do Ar também vai estar em festa neste sábado, 18. Durante o dia, há visitas gratuitas às aeronaves, áreas operacionais e à Academia da Força Aérea. Para a noite, a partir das 19 horas, estão programadas atuações musicais, danças de salão e os sempre aguardados sorteios para batismos de voo, mantendo-se as portas do museu abertas até à meia-noite. Para lá do Bar Cockpit, haverá street food. Granja do Marquês, Pêro Pinheiro, Sintra > T. 21 967 8984 > 18 mai, sáb 10h-24h > grátis

8. Bairro dos Museus, Cascais

Este ano, em Cascais, o Dia Internacional dos Museus e a Noite Europeia dos Museus celebram-se no sábado, 18, e a câmara municipal, juntamente com a Fundação D. Luís, volta a apostar numa programação diversificada, para todos os públicos, que inclui todos os equipamentos do chamado Bairro dos Museus. Entre visitas encenadas, exposições, concertos, ateliês para crianças, recriações históricas, música e conferências, com entrada gratuita, o destaque vai para 1920 Baile no Museu, um baile de época, às 21 e 30, no Museu Condes de Castro Guimarães. À mesma hora, na Casa de Histórias Paula Rego, a companhia Vórtice Dance apresenta um espetáculo de dança, luz e projeção a partir da exposição Paula Rego Anos 80. A pensar nas crianças, há sessão de contos e a atividade Vamos Dormir no Museu, no Museu do Mar Rei D. Carlos (inscrição: museumar@cm-cascais.pt). O programa encerra com Ceia Real, às 23 horas, no Forte S. Jorge de Oitavos, que inclui teatro, cantigas, trovas e música à época (inscrição: forte.oitavos@cm-cascais.pt). Bairro dos Museus, Cascais > 18 mai, sáb 10h-23h > https://www.cascais.pt/evento/dia-internacional-dos-museus-noite-europeia-dos-museus > grátis

Galeria da Biodiversidade - Centro de Ciência Viva

Galeria da Biodiversidade - Centro de Ciência Viva

Lucília Monteiro

9. Galeria da Biodiversidade – Centro de Ciência Viva, Porto

No sábado, 18, , este centro de ciência viva que ocupa a Casa Andresen, propõe uma visita noturna guiada que celebra a diversidade de seres vivos do planeta Terra, descobrindo, ao mesmo tempo, a sua importância na manutenção do equilíbrio da vida. É um museu que cruza a biologia com a história natural, através de 49 polos expositivos e instalações. R. do Campo Alegre, 1191, Porto > T. 22 040 8700 > 18 mai, sáb 21h-22h > inscrição galeria@mhnc.up.pt > grátis

10. Museu de Arte Contemporânea de Serralves, Porto

Uma “Jogatina no Museu”, tendo como palco a exposição de Joana Vasconcelos, “I’m your Mirror”, patente até 24 de junho, é a proposta do Museu de Serralves para as famílias na Noite Europeia dos Museus. Um jogo de tabuleiro, sob a orientação das formadoras Raquel Correia e Sónia Borges, servirá de pretexto para descobrir, desenhar e interpretar as obras que a artista apresenta nesta mostra. O limite máximo é de 30 pessoas. R. D. João de Castro, 210, Porto > T. 22 615 6500 > 18 mai, sáb 21h-23h > grátis

11. Jardim Botânico do Porto – Museu de História Natural e da Ciência da Universidade do Porto

A temática “No Mundo das Suculentas” sugere uma visita orientada à coleção de catos e suculentas do jardim de estilo romântico por onde passeava (e se inspirava) Sophia de Mello Breyner, junto à casa dos seus avós, a Casa Andresen, levando os visitantes a conhecer as estufas de catos e os jardins superiores. R. do Campo Alegre, 1191, Porto > T. 22 040 8700 > 18 mai, sáb 21h-22h > inscrição: jardimbotanico@mhnc.uc.pt > lotação: 25 pessoas > grátis

12. Museu Nacional Soares dos Reis, Porto

Aproveite-se a Noite Europeia dos Museus para visitar a exposição Júlio Resende. A Palavra e a Mão que, entretanto, foi prolongada até 16 de junho. Na noite de sábado, 18, haverá duas visitas orientadas noturnas (19h30 e 22h30) a esta mostra que apresenta a relação do pintor com escritores como Vergílio Ferreira, Eugénio de Andrade, Mário Cláudio, Vasco Graça Moura, Fernando Namora ou Viale Moutinho. R. D. Manuel II, Porto > T. 22 339 3770 > 18 mai, sáb 19h30, 22h30 > grátis

13. Alfândega do Porto

Através de uma performance de circo contemporâneo (com o uso de acrobacia, corda aérea e malabarismo luminoso), explica-se a história do edifício da Alfândega Nova e o trabalho de milhares de funcionários aduaneiros (como os guardas fiscais, os estivadores e os manobradores de gruas), ao longo dos tempos. No Centro de Congressos, aproveite-se para visitar a exposição do artista holandês M. C. Escher que, neste sábado, 18, estará aberta até à meia-noite, com um preço especial (€5, inclui audioguia). R. Nova da Alfândega, Porto > T. 22 340 3000 / 24 > 18 mai, sáb 21h30-24h > grátis

O pátio do Museu Nacional Machado de Castro, em Coimbra, recebe a exposição "CATA.VENTOS cá de Casa"

O pátio do Museu Nacional Machado de Castro, em Coimbra, recebe a exposição "CATA.VENTOS cá de Casa"

Marcos Borga (MB)

14. Museu Nacional Machado de Castro, Coimbra

À boleia da inauguração da exposição temporária CATA.VENTOS Cá de Casa, que acontece às 12h30 deste sábado, 18 – composta por vários exemplares de cataventos encontrados em igrejas da cidade, entre as quais a de Santa Cruz –, o Museu Nacional Machado de Castro assinala o Dia Internacional dos Museus com um programa especial a partir das 21 horas. Tem início às 21 horas, com a conversa “Cataventos ao sabor do vento”, conduzida pelo conservador Pedro Ferrão. Pelas várias salas do museu, o ator Ricardo Kalash fará uma visita dramatizada, com o título O Guarda-Chaves. Conte ainda com um teatro de sombras, a sessão Estória com cataventos e um concerto multimédia com João Vasco (piano e vídeo), Pedro Lopes (violino) e Fernando Costa (violoncelo). Lg. Dr. José Rodrigues, Coimbra > T. 239 853 070 > 18 mai, sáb 21h-24h > grátis

15. Museu do Papel Terras de Santa Maria, Santa Maria da Feira

O único museu do país dedicado à história do papel, celebra a Noite Europeia dos Museus com a performance “E se fossemos papel?”. Com direção artística de Helena Oliveira, será interpretada por um grupo de artistas não profissionais, da comunidade, em quatro momentos: às 21h30, 22h30, 23h30 e 00h30. R. de Riomaior, 338, Paços de Brandão, Santa Maria da Feira > 256 370 850 > 18 mai, sáb 21h30-02h > maiores 16 anos > grátis