Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

Sobe, sobe a calçada: A nova massagem do spa do Ritz é uma viagem pelas sete colinas de Lisboa

Sair

Um novo tratamento, só com ingredientes orgânicos, feito a pensar nas colinas da cidade

JANINE SILVA FERREIRA

Não há nenhuma Luísa a subir e a descer a calçada, mas é disso que nos lembramos, porventura completamente a despropósito, no princípio do novo tratamento do spa do Ritz Four Seasons Hotel. Explica a responsável, a terapeuta Catarina Pereira, que se trata de uma massagem feita a pensar nos que se aventuram pelos altos e baixos da cidade. Muito bem, comecemos então.

Na sala ouve-se fado (primeiro estranha-se, sim, e depois…) e dá-se início à esfoliação de pés à base de azeite (proveniente da zona de Montemor-o-Novo) e de sal marinho (extraído manualmente nas salinas da reserva natural de Castro Marim). “O azeite italiano pode ser o mais conhecido, o espanhol pode ser o produzido em maior quantidade, mas o português é um tesouro escondido”, diz Catarina. Prosseguem as mordomias, sempre com ingredientes orgânicos. Já falámos do azeite e do sal, falta falar dos óleos de lima e de manjericão (as festas da cidade já estão a começar, e o manjericão também quer homenagear Santo António, explica a terapeuta). O tratamento chama-se mesmo Sete Colinas de Lisboa e, durante os 80 minutos em que se eliminam toxinas e se aliviam tensões, contraturas do corpo e do espírito, nada mais importa. Inclui massagem na cara e na cabeça também, o que (para quem gosta, claro) é mais ou menos como ganhar a taça na subida à torre. No final, já no pódio, uma minimadalena de azeitona, criada pelo chefe de pastelaria Fabian Nguyen. Mais do que merecida, depois de tanta subida e descida. És a maior, Luísa.

Sete Colinas > Ritz Four Seasons Hotel > Spa Ritz > R. Rodrigo da Fonseca, 88, Lisboa > seg-dom 6h30-22h30 > massagem Sete Colinas de Lisboa €210 (80 minutos)