Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

Rock in Rio vai ter uma área de restaurantes com assinatura de chefe e 380 lugares sentados. E esta é só uma das novidades

Sair

Os chefes de cozinha Alexandre Silva, Henrique Sá Pessoa, Maurício Vale, Marlene Vieira e Vítor Sobral vão marcar presença no Rock in Rio - Lisboa. O mercado de alta cozinha, que contará ainda com outros nomes, é uma das novidades do festival que acontece em junho no Parque da Bela Vista, numa edição que terá um horário mais alargado e compatível com os transportes públicos, entre outras surpresas

Henrique Sá Pessoa, Vítor Sobral, Marlene Vieira e Alexandre Silva são alguns dos chefes que vão estar presentes na nova área de restauração do Time Out Market Rock in Rio,

Henrique Sá Pessoa, Vítor Sobral, Marlene Vieira e Alexandre Silva são alguns dos chefes que vão estar presentes na nova área de restauração do Time Out Market Rock in Rio,

Agência Zero

Uma das surpresas da 8.ª edição do festival Rock In Rio, que começa a 23 de junho e se prolonga até 30, no Parque da Belavista, em Lisboa, é a criação do Time Out Market Rock in Rio.

No cimo do relvado, com a melhor vista do parque, será criada uma zona dedicada à alta cozinha. Ali será instalado o “palco principal”, o Time Out Market Rock In Rio, que será ocupado pelos chefes de cozinha Alexandre Silva (Loco), Henrique Sá Pessoa (Alma, Cais da Pedra e Tapisco), Vítor Sobral (um dos responsáveis pela cozinha de autor na edição de 2016 no RIR e proprietário dos restaurantes Tasca da Esquina e Peixaria da Esquina, em Lisboa), Marlene Vieira (Panorâmico by Marlene Vieira) e Maurício Vale (Asian Lab) todos eles presentes no Time Out Market, no Mercado da Ribeira.

“Queremos fazer uma versão pop up do Time Out Market, um mercado, que só no ano passado recebeu 3,6 milhões de visitantes, sendo uma das maiores atrações turística da cidade", diz João Cepeda, diretor do Mercado Time Out. No Parque da Belavista, será um mercado "mais informal, mais criativo, mas com a mesmíssima qualidade. Levaremos as nossas estrelas e ofertas radicalmente diferentes", acrescenta. Este novo espaço terá 14 restaurantes, e um bar com as cervejas da Super Bock e 380 lugares sentados.

Participar no Rock In Rio deixou a chefe Marlene Vieira "ansiosa", diz visivelmente bem disposta. Lá garante comidinha portuguesa, pois claro. "É o que mais gosto de fazer", sublinha. Se até lá não mudar de ideias, levará, entre outras opções, as suas mini pataniscas com maionese de pimentos, uma francesinha e um prato com polvo.

Já Maurício Vale, chefe do Asian Lab, confecionará sugestões da cozinha asiática, com alguma revelância na tailandesa, explica o chefe. "A nossa filosofia é muito a street food, que combina bem com o espírito do Rock in Rio", descreve o que faz no pequeno laboratório conduzido por si e pelo chefe Daniel Rente, no Time Out Market.

Aos chefes, juntam-se os pregos e os hambúrgueres do Prego da Peixaria, o peixe fresco do Sea Me e os pastéis de nata da Manteigaria, entre outros restaurantes que serão anunciados em breve.

Os Muse são uma das bandas confirmadas do Rock In Rio desta edição

Os Muse são uma das bandas confirmadas do Rock In Rio desta edição

Ainda faltam cerca de quatro meses para o Rock in Rio começar no Parque da Belavista, em Lisboa, mas os preparativos há muito que ocupam a equipa liderada por Roberta Medina, vice-presidente deste gigante parque temático de diversão (como a própria gosta de chamar ao festival). Com o cartaz quase fechado (faltam conhecer os artistas que vão tocar no último dia), mais uma vez dá atenção a diferentes vertentes artísticas: a arte urbana, a dança e a gastronomia que unem-se à música como cola. E assim, a par das bandas já confirmadas, e que este ano traz a Lisboa os Muse, os The Chemical Brothers e os The Killers, haverá mais novidades que prometem surpreender os fãs de todas as idades.

As novidades estendem-se ainda ao novo horário da abertura do recinto. As portas passam a abrir às 12 horas e a encerrar às duas da madrugada. Uma decisão que permite que os festivaleiros “consigam apanhar o metro e os transportes tranquilamente”, nota Roberta Medina. Haverá ainda um novo Pop District para celebrar a cultura pop, com uma secção ligada aos jogos, e o Digital Stage, com um palco dedicado aos espetáculos de entretenimento online. Já o Rock Street , este ano, veste-se com as cores e os sons africanos.

Os The Killers atuam no palco principal no dia 29 de junho

Os The Killers atuam no palco principal no dia 29 de junho

Cartaz

23 jun: Muse, Bastille, HAIM, Diogo Piçarra

24 jun: Bruno Mars, Demo Lovato, Anitta e Agir

29 jun: The Killers,The Chemical Brothers

30 jun: sem bandas confirmadas

Rock in Rio - Lisboa > Parque da Belavista, Lisboa >23-24, 29-30 jun, sáb-dom, sex-sáb 12h- 2h > €69 (bilhete diário), €117 (passe)