Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

Na coquetelaria Destilado, no centro histórico de Braga, as bebidas são feitas à medida dos clientes

Sair

O atendimento personalizado e as bebidas incomuns são a aposta da coquetelaria Destilado, no centro histórico de Braga

"Motiva-me muito saber o que o cliente gosta e encontrar a 'sua' bebida", diz Simão Vilaverde, do bar Destilado

"Motiva-me muito saber o que o cliente gosta e encontrar a 'sua' bebida", diz Simão Vilaverde, do bar Destilado

Rui Duarte Silva

Sempre gostou de criar bebidas e de fazer misturas diferentes, concentrado nas preferências de quem se senta à sua frente no balcão. “Motiva-me muito esta envolvência com o cliente, saber o que ele gosta até encontrar a sua bebida”, conta Simão Vilaverde, com 15 anos de experiência na noite de Braga, sendo um dos pioneiros do centro histórico, com uma animação cada vez mais recomendável.

No Destilado, aberto há pouco mais de um ano, quis focar-se nos cocktails, como desculpa para a personalização de bebidas, com base numa vasta gama de produtos. “A tendência do gin ajudou a abrir o mercado, mostrou aos clientes como era importante trabalhar cada copo”, sublinha. Agora, há abertura para ouvir as histórias por detrás de cada garrafa, que Simão narra com prazer. Ao que foi aprendendo nos bares por onde passou, Simão juntou várias formações. “Há muita informação disponível, até online, mas o contacto com outros profissionais é fundamental”, defende.

Na carta do Destilado colocou os cocktails clássicos, além de estar continuamente a introduzir alguns da sua autoria. Como ferramentas, não se coíbe de usar bebidas pouco comuns, como o mezcal ou o pisco. “São produtos mais difíceis de trabalhar, mas esforço-me por encontrar clientes para eles”, diz. Na coquetelaria, a música roda entre o rock, o funk e o blues, para deixar as conversas fluir entre a clientela, maioritariamente entre os 25 e os 45 anos. A sobriedade do bar é apenas quebrada pela ilustração gigantesca de uma das paredes, que é mudada regularmente.

Destilado > R. D. Afonso Henriques, 33, Braga > T. 93 392 3425 > dom-seg/qua-qui 17h-02h, sex-sáb 17h-04h