Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

O Gosto dos Outros... Fernando Santos

Sair

Galerista há quatro décadas, Fernando Santos prepara-se para festejar, em novembro, os 25 anos da Galeria Fernando Santos, no Quarteirão das Artes, no Porto. Aqui ficam os seus lugares de eleição

Lucilia Monteiro

1. Jardins do Palácio de Cristal, Porto
Todos os dias, às sete e meia da manhã, logo que abre o portão que dá acesso aos jardins, o galerista faz ali a sua “caminhada matinal e madrugadora” de cerca de dez quilómetros. “É uma forma de despertar.” Para ele, os jardins desenhados por Emil David são um lugar “inspirador”.

2. Museu de Arte Contemporânea de Serralves, Porto
O Museu de Arte Contemporânea de Serralves é, para Fernando Santos, “um sítio de trabalho” e, ao mesmo tempo, “de lazer”. Por lá é-se “remetido para outra realidade sem, no entanto, sair do centro da cidade”. “Serralves mudou o Porto.”

3. Praias de Areas, Galiza
As férias de verão do galerista são quase sempre passadas nas praias galegas de Areas, junto a Sanxenxo, onde, descreve, as marés “são plácidas” e os azuis ”hipnotizantes”. É o local ideal, conta, para descansar “entre um ano agitado e uma temporada encarada sempre com entusiasmo”.

4. Paris
Se pudesse escolher uma cidade, escolheria Paris. Por ser de “uma beleza elegante e discreta, grandiosa, porém, não esmagadora, histórica, mas não saudosista”. Além disso, porque Paris, para onde sempre viaja à procura de novos artistas, “é sempre uma novidade”.

5. Restaurante António, Leça da Palmeira
Do restaurante António, em Leça da Palmeira, adora o cabrito. Fernando Santos diz-se apreciador de “comida de conforto”.

6. Porto
É na cidade onde vive e trabalha que diz sentir-se “feliz”. Mesmo que ande pelo mundo...