Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

Camélias: A flor do Porto está em festa

Sair

A primavera ainda não chegou (bem gostaríamos), mas o Porto começa a celebrar as camélias, a flor da cidade, já este sábado e domingo, dias 4 e 5, com uma exposição no Palácio da Bolsa. Até 11 de março, dia em que a festa termina no Parque de Serralves, cerca de uma centena de atividades gratuitas celebram as camélias, como a Cycle Flower Parade, um passeio com bicicletas... floridas, pois

O nome camélia é uma homenagem ao naturalista Jorg Joseph Camel, que se notabilizou no mundo da floricultura devido a um estudo sobre a flora asiática

O nome camélia é uma homenagem ao naturalista Jorg Joseph Camel, que se notabilizou no mundo da floricultura devido a um estudo sobre a flora asiática

É dedicada ao Porto Histórico a exposição que este sábado e domingo, 4 e 5, há de juntar colecionadores, produtores e entusiastas das camélias, pela primeira vez, no Palácio da Bolsa. A XXII Exposição de Camélias do Porto convida a conhecer as diferentes espécies desta flor do inverno, trazida do Japão no início do século XIX, que abunda e espalha cores pelos jardins da cidade.

Ao longo deste fim de semana, e além do Mercado da Camélia, o Palácio da Bolsa terá uma cerimónia de chá japonês, por Soko Miyake (4 mar, 15h30), um teatro de sombras (4 mar, 17h30, 5 mar 15h, 17h30) encenado pela artista plástica Beniko Tanaka a partir do texto O Culto do Chá, de Wenceslau de Moraes. O dia termina com a Casa da Música a receber um Concerto Sinfónico (4 mar, 21h30), pela Orquestra de Sopros e Coral do Conservatório de Música Calouste Gulbenkian de Braga. No domingo, 5, às 15 e 30, a ACE Teatro do Bolhão promete uma Deambulação Performativa, com figurinos vestidos a rigor, com saída do Palácio do Bolhão e chegada às ruas das Flores e Mouzinho da Silveira. Se a meteorologia ajudar, é lançado o convite para que cada um decore uma bicicleta com flores e entre na Cycle Flower Parade, com partida do Mercado do Bom Sucesso (às 15 e 30) e paragem na Praça do Infante, junto à exposição.

Visitas a quintas e jardins, conferências, exposições e oficinas integram a festa da camélia

Visitas a quintas e jardins, conferências, exposições e oficinas integram a festa da camélia

Até dia 11, são muitas as oficinas em redor desta flor (desenho, gravura, exploração e observação de camélias, construção de uma coleção biológica) em diferentes locais da cidade e outras, mais específicas, como a da artista japonesa Itsuyo Terumoto, que nos ensinará a arte Sumi-e, um antigo estilo de pintura tradicional japonesa de tinta-da-china (6 mar, 10h, Casa Primo Madeira).

Mas a flor do Porto é celebrada com quase uma centena de atividades. Como instalações artísticas – na Praça do Infante, a obra Kameria, junta a planta japonesa ao origami – e o Museu da Misericórdia do Porto recria jardins efémeros em Um Jardim Encantado. O museu, situado na rua das Flores, recebe ainda uma exposição coletiva de fotografia, uma mostra de arranjos florais e, ainda, uma degustação de chá Camélia (7 mar, 17h40) por Nina Gruntkowski.

Para quem queira entender melhor a flor, haverá uma conferência (6 mar, 10h-17h30), no Museu de História Natural e da Ciência da Universidade do Porto (Jardim Botânico), com a presença de vários especialistas. Além de várias visitas guiadas pela cidade: "Do ocidente ao Oriente" no Arquivo Histórico (7 mar, 10h), "Porto Histórico", com Joel Cleto, (7 mar 14h30), “4 Peças, 4 Dias”, para conhecer peças da coleção do Museu Nacional Soares dos Reis (7 a 10 mar, 14h), visitas aos Jardins da Casa da Prelada, recentemente reabilitados pela arquiteta paisagista Marta Cudell (10 mar, 11h) e um percurso de orientação pelos Jardins do Palácio de Cristal (11 mar, 10h-13h).

A festa, com entrada gratuita, termina no dia 11, no Parque de Serralves, onde, entre as 10 horas e 18 horas, se misturam oficinas para famílias, show-cooking, visitas guiadas pelos jardins, música, dança, leituras encenadas e um concerto de canto lírico da Ópera de Bolso.

Exposição de Camélias > Palácio da Bolsa, R. Ferreira Borges, Porto T. 22 339 9000 > 4-5 mar, sáb 14h30-19h, dom 10h-19h > grátis

Semana das Camélias > 6-11 mar (em vários locais da cidade; 11 mar 10h-18h > Parque de Serralves (entrada portão Av. Marechal Gomes da Costa), Porto > grátis