Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

O Bar Tolo Meu é o novo 'tasco' da Foz do Porto

Visão Se7e

  • 333

Abriu em Dezembro a nova tasca dedicada aos genuínos prazeres da cozinha portuguesa

Os petiscos são preparados pelo chefe Ricardo Coelho e apostam "na cozinha tradicional portuguesa usando produtos de qualidade.
1 / 6

Os petiscos são preparados pelo chefe Ricardo Coelho e apostam "na cozinha tradicional portuguesa usando produtos de qualidade.

A decoração do espaço não foi deixada ao acaso. As refeições são servidas em loiça antiga, as cadeiras e abat-jours dos candeeiros foram forrados com sacos de café.
2 / 6

A decoração do espaço não foi deixada ao acaso. As refeições são servidas em loiça antiga, as cadeiras e abat-jours dos candeeiros foram forrados com sacos de café.

Atum marinado,um dos petiscos propostos.
3 / 6

Atum marinado,um dos petiscos propostos.

Carlos Leitão e Miguel Plácido, proprietários, gostam de definir o espaço como "um tasco moderno que tenta reinventar o conceito de tasco", onde as pessoas "se podem encontrar e beber um copo de vinho a qualquer hora".
4 / 6

Carlos Leitão e Miguel Plácido, proprietários, gostam de definir o espaço como "um tasco moderno que tenta reinventar o conceito de tasco", onde as pessoas "se podem encontrar e beber um copo de vinho a qualquer hora".

Outra das iguarias na carta: folhados de alheira com molho de mostarda e mel.
5 / 6

Outra das iguarias na carta: folhados de alheira com molho de mostarda e mel.

Quando se sentar à mesa, não se surpreenda se lhe apresentarem a ementa "embrulhada" num livro do Astérix. Ou ainda se a carta de vinhos vier incluída num livro de Gaston, o cómico personagem desenhado pelo belga André Franquin no mítico Spirou.
6 / 6

Quando se sentar à mesa, não se surpreenda se lhe apresentarem a ementa "embrulhada" num livro do Astérix. Ou ainda se a carta de vinhos vier incluída num livro de Gaston, o cómico personagem desenhado pelo belga André Franquin no mítico Spirou.

Quando se sentar à mesa, não se surpreenda se lhe apresentarem a ementa "embrulhada" num livro do Astérix, o gaulês criado por Uderzo e Goscinny. Ou ainda se a carta de vinhos vier incluída num livro de Gaston, o cómico personagem desenhado pelo belga André Franquin no mítico Spirou.

A culpa é da paixão por banda desenhada dos proprietários do mais recente restaurante de petiscos da Foz do Porto, o Bar Tolo Meu (que, em breve, deverá mudar de nome para Bar Loco Meu), Carlos Leitão e Miguel Plácido. "Não tínhamos tempo para pensar na capa das ementas e surgiu esta ideia", contam.

Certo é que esta casa de três pisos, aberta desde dezembro, situada na esquina entre a Rua de S. Bartolomeu e a Senhora da Luz, não tem tido mãos a medir. Carlos Leitão gosta de definir o espaço como "um tasco moderno que tenta reinventar o conceito de tasco", onde as pessoas "se podem encontrar e beber um copo de vinho a qualquer hora".

Até as mesas convidam ao convívio. Há uma, por agora, com "espírito comunitário" onde se podem sentar 10 pessoas sem que se conheçam. Mas ainda não se falou nos petiscos preparados pelo chefe Ricardo Coelho e que apostam "na cozinha tradicional portuguesa usando produtos de qualidade".

Amêijoas à Bolhão Pato, pataniscas de bacalhau, polvo à Galega, folhados de alheira com molho de mostarda e mel, atum marinado, açorda de camarão, vieiras salteadas com molho de alho francês e setas, petinga, preguinhos no pão, minifrancesinha, são algumas sugestões (a partir ¤5).

Quem gostar de maior sustento, conta com arroz de lavagante, carne barrosã ou bacalhau com broa. E, claro, com vinho a copo (a partir ¤2) a acompanhar.

TOME NOTA A decoração do espaço não foi deixada ao acaso. As refeições são servidas em loiça antiga, as cadeiras e abat-jours dos candeeiros foram forrados com sacos de café.  

BAR TOLO MEU R. Senhora da Luz, 185, Porto T. 22 493 8987 Seg-Qua, Dom 12h30-24h, Qui-Sáb 12h-02h www.bar-tolo-meu.com